Bruno Cantini/Atlético
Bruno Cantini/Atlético

Geuvânio lamenta empate do Atlético-MG: 'A bola não quis entrar no 2º tempo'

Equipe mineira ficou no 1 a 1 com o São Paulo nesta quinta-feira, em casa, pelo Brasileirão

Redação, Estadão Conteúdo

13 de junho de 2019 | 23h29

Mesmo jogando em casa, no estádio Independência, em Belo Horizonte, o Atlético-MG ficou no empate contra o São Paulo pelo placar de 1 a 1, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro, nesta quinta-feira. O atacante Geuvânio elogiou a atuação do time mandante na partida, mas lamentou a igualdade.

"Foi um jogo bom, as duas equipes, dentro da sua proposta de jogo, tentaram fazer o que era possível. Por jogar em casa, a gente tinha que ditar o ritmo. Em alguns momentos a gente conseguiu. A gente criou oportunidades, infelizmente a bola não entrou hoje (quinta-feira). Tive a oportunidade de fazer uma jogada no fim, chutei, o zagueiro foi feliz e bloqueou. A gente sai de cabeça erguida, a torcida reconheceu nosso esforço. A vitória seria importante, mas estamos bem, entre os primeiros, na luta. Agora temos a parada para descansar e voltar bem", disse o meia em entrevista após o final do jogo.

Com o ponto somado, o Atlético-MG, apesar de não vencer há duas rodadas, aparece na parte de cima da tabela de classificação na quinta posição, com 16 pontos, mas irá passar a parada para a Copa América fora da zona de classificação direta para a Copa Libertadores.

Por causa da paralisação para a competição continental, o Atlético-MG volta a campo pelo Brasileirão daqui praticamente um mês para a disputa da 10.ª rodada. Fora de casa, a equipe mineira visita a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó (SC), em partida agendada para o dia 14 de julho.

Tudo o que sabemos sobre:
Atlético Mineirofutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.