Gil está virando titular de novo

Depois de enfrentar um período negro nos primeiros dias sob o comando de Daniel Passarella, aos poucos o meia Gil vai conseguindo conquistar a confiança do novo chefe. A situação começou a mudar no clássico diante do Palmeiras, quando ele entrou no lugar de Roger e sofreu o pênalti que sacramentou a vitória no clássico, por 2 a 0. No jogo seguinte, contra o São Caetano, de novo Gil mostrou qualidades ao treinador. Deu velocidade ao ataque e ainda marcou um golaço, aproveitando um passe de Carlitos Tevez. No sábado, em Santa Bárbara, o atacante confirmou sua ressurreição, com mais outro gol e uma atuação que arrancou elogios de Passarella. "O Gil voltou a jogar bem. E já mostrou que é um jogador muito disciplinado taticamente. Isso é ótimo para ele. Além disso, mostrou que tem uma boa perna esquerda", destacou o treinador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.