Gilberto treina sem dores e deve reforçar o Cruzeiro

O lateral-esquerdo Gilberto, que se recupera de uma tendinite no tendão de Aquiles do pé direito, treinou normalmente nesta quarta-feira, em atividade tática comandada pelo técnico Adilson Batista, e elevou as suas chances de enfrentar o Corinthians, no próximo domingo, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro.

AE, Agencia Estado

21 de outubro de 2009 | 14h04

Com o auxílio de uma palmilha para proteger o local lesionado, Gilberto treinou durante o tempo todo e não teve problema. O fato deixou o jogador otimista. "Estou com uma proteção para o calcanhar e não tenho sentido dor. É uma adaptação, vou ver se consigo jogar. No treinamento foi tranquilo. Vou treinar amanhã (quinta-feira) de novo e, se correr tudo bem, jogar os 90 minutos contra o Corinthians", afirmou.

Mas, se Gilberto está quase recuperado de contusão, o volante Fabrício não participou do treino desta quarta-feira para prosseguir o tratamento da lesão muscular na panturrilha esquerda. A contusão tirou o atleta da partida contra o Botafogo, no último domingo, no Mineirão, e ele ainda é dúvida para o confronto com o Corinthians.

"O Fabrício tem uma lesão discreta na panturrilha esquerda. Como já tem sete dias (de tratamento), a evolução está muito boa. Ele vai fazer alguns trabalhos à parte para ver se contamos com ele no próximo jogo", explicou o médico do Cruzeiro, Octacílio da Matta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.