Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Gilson Kleina rejeita contagem regressiva e euforia no Palmeiras

Técnico nega que tenha faltado disposição ao time no empate por 0 a 0 com o América de Natal

AE, Agência Estado

29 de setembro de 2013 | 15h40

SÃO PAULO - Com uma vantagem confortável na liderança da Série B do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras fica mais perto do acesso após cada rodada da competição. Por isso, o técnico Gilson Kleina sabe que é impossível evitar a contagem regressiva da torcida, mas garante que ela não existe dentro do elenco. Além disso, ele rejeitou qualquer possibilidade dos jogadores serem contaminados pela euforia.

"É inevitável que venha essa situação de fora para dentro, começa a contagem regressiva. Mas tentamos tirar essa pressão, continuar com o foco e ter desenvoltura durante os jogos. Temos jogadores experientes para isso, e uma equipe com condições para administrar bem isso", disse.

Assim, Kleina negou que tenha faltado disposição ao time no empate por 0 a 0 com o América de Natal, sábado, no Estádio do Pacaembu. "Não posso negar a nossa disposição. Nós perdíamos a bola e já tínhamos dois jogadores para roubar essa bola, principalmente no primeiro tempo", disse. "Não tivemos a eficiência. Tivemos até algumas chances, mas não foi o suficiente para fazer o gol. Não era o resultado que queríamos. Mas, já que não venceríamos, também não poderíamos perder", completou.

O empate de sábado levou o Palmeiras aos 56 pontos, na liderança da Série B, com 10 pontos a mais do que a segunda colocada Chapecoense. Além disso, a vantagem do time para o quinto colocado, o Sport, é de 16 pontos a 13 rodadas do fim da Série B. O próximo compromisso do time será na próxima terça-feira, em São José do Rio Preto, contra o Oeste.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BPalmeirasGilson Kleina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.