Daniel Augusto Jr.|Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr.|Ag. Corinthians

Giovanni Augusto é denunciado por agressão e pode ser suspenso por 12 jogos

Meia do Corinthians se envolveu em confusão no jogo contra o Figueirense

Estadão Conteúdo

02 de dezembro de 2016 | 19h19

O meia Giovanni Augusto, do Corinthians, pode levar gancho de até 12 jogos, segundo denúncia do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O jogador foi denunciado nesta sexta-feira por suposta agressão ao meia Yago, do Figueirense, em jogo do Campeonato Brasileiro disputado no dia 16 de novembro, em Florianópolis.

O jogador do Corinthians foi denunciado no artigo 254-A (praticar agressão física durante a partida, prova ou equivalente). De acordo com o árbitro Anderson Daronco, juiz daquela partida, Giovanni Augusto "empurrou um adversário com uso de força excessiva fora da disputa da bola", registrou Daronco, na súmula do jogo.

O meia acabou levando cartão vermelho direto aos 48 minuto do segundo tempo. Segundo o árbitro, Giovanni Augusto empurrou a cabeça de Yago contra o solo quando o jogador do Figueirense estava caído em campo.

Ao ser enquadrado no artigo 254-A, o corintiano corre o risco de ser suspenso de quatro a 12 jogos, punição que só seria cumprida no próximo ano, uma vez que falta apenas uma rodada para o fim do Brasileirão - os jogos foram adiados par ao dia 11 em razão do acidente aéreo sofrido pelo time da Chapecoense, na Colômbia. O caso de Giovanni Augusto será julgado no dia 6, próxima terça-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.