Werther Santana/AE - 8/1/2010
Werther Santana/AE - 8/1/2010

Giovanni brilha e lidera Santos em jogo-treino

Aos 37 anos, meia marca um golaço e dá passa de calcanhar na vitória sobre o Paulista na Vila Belmiro

AE, Agencia Estado

14 de janeiro de 2010 | 20h17

Fora de forma, Giovanni surpreendeu nesta quinta-feira no jogo-treino do Santos com o Paulista. Em sua reestreia, ele marcou um golaço e ainda deu passe de calcanhar para o segundo gol da equipe durante os 45 minutos em que esteve em campo. O time santista ganhou por 3 a 1, na Vila Belmiro.  

 

Veja também:

linkMP veta nove estádios para o Paulistão

tabela Tabela de jogos do Paulistão

Giovanni, de 37 anos, entrou somente no segundo tempo, quando o Santos empatava por 1 a 1, e fez a diferença na partida. Primeiro, deu um passe de calcanhar para Breitner mandar para as redes. Em seguida, deu um chapéu no zagueiro e, sem deixar a bola cair, acertou um chute no ângulo direito.

"Foi nota 10", disse, empolgado, o atacante Neymar, autor do primeiro gol santista no jogo-treino. "A qualidade dele é algo que nem preciso comentar", reforçou o meia Paulo Henrique Lima.

Apesar da grande performance nesta quinta, Giovanni já está descartado da estreia do time no Campeonato Paulista, no domingo. O Santos enfrentará o Rio Branco, no Pacaembu. O técnico Dorival Júnior quer preservar o jogador para os jogos do final do mês.

No jogo-treino, o técnico escalou o time com Felipe; George Lucas, Bruno Rodrigo, Bruno Aguiar e Pará; Rodrigo Mancha, Wesley, Paulo Henrique e Madson; Neymar e Zé Eduardo. Edu Dracena, Durval e Marquinhos foram poupados para realizar trabalho de reforço muscular. Léo ficou de fora por causa de problemas estomacais.

No segundo tempo da atividade, Dorival mudou todo o time, fazendo 11 alterações. Giovanni foi um dos que ganharam chance na equipe. Ele fez dupla de ataque com André.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.