Rodrigo Coca/Ag. Corinthians
Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Giuliano destaca rápido entrosamento do quarteto para a boa fase do Corinthians

Para o meia, esta adaptação em pouco jogos foi obtida graças ao profissionalismo de cada atleta, que se apresentou em boa forma física

Redação, Estadão Conteúdo

06 de outubro de 2021 | 15h35

Giuliano apontou o rápido entrosamento do quarteto formado por ele, Renato Augusto, Willian e Róger Guedes como o principal motivo para a boa fase do time do Corinthians. O meia, em entrevista para o SporTV, nesta quarta-feira, um dia após a vitória, de virada, sobre o Bahia, por 3 a 1, na Neo Química Arena.

"Crescemos taticamente. O Corinthians já tinha uma base, uma linha defensiva formada, o Jô na frente não estava sendo muito acionado, então com a nossa chegada aumentou a qualidade. E conseguimos um entrosamento num período curto, mesmo com jogadores que vieram de ligas diferentes, ritmos diferentes, com tempo parado diferentes. Isso fez com que a equipe evoluísse", disse o atleta, que assumiu a titularidade há dez partidas.

Para o meio-campista, esta adaptação em pouco jogos foi obtida graças ao profissionalismo de cada atleta, que se apresentou em boa forma física. "A preparação individual de cada um fez a diferença. Sabíamos para o que estávamos vindo, o que a equipe precisava e o que podíamos aportar à equipe. Fiquei três meses sem jogar, mas estava treinando. Renato ficou oito meses sem jogar e estava treinando. Roger também, Willian veio de pré-temporada. Não estávamos parados, estávamos sem ritmo de jogo. Isso ajudou no processo."

Giuliano acredita que a tendência do time é se apresentar ainda melhor dentro de casa por causa do apoio da torcida, que já se fez presente no triunfo sobre o Bahia. "Estou muito feliz com o momento que a equipe vem vivendo. Coletivamente crescemos, e os destaques individuais têm aparecido. Estamos jogando em bom nível, boa performance, estamos em construção e os resultados estão acompanhando. O caminho é longo, o Brasileiro é muito difícil, mas estamos nos encaixando, ganhando forma, credibilidade. Jogar com o torcedor do nosso lado foi uma emoção e atmosfera diferentes. Isso vai trazer frutos nos jogos dentro de casa."

Com 37 pontos, o Corinthians luta por uma participação na próxima Copa Libertadores. O time volta a campo no sábado, diante do Sport, às 16h30, na Arena Pernambuco, pela 25ª rodada do Brasileirão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.