Simone Arveda / AP
Simone Arveda / AP

Giuseppe Rossi leva advertência e escapa de suspensão após uso de doping

Organização Nacional Antidoping da Itália revelou que o jogador havia sido pego pelo uso de dorzolamida, um remédio para o olho

Estadao Conteudo

01 Outubro 2018 | 16h06

O atacante Giuseppe Rossi, do Genoa, foi advertido nesta segunda-feira pelo uso de doping. Flagrado em exame realizado em maio, o italiano corria o risco de ser suspenso do futebol por um ano, mas foi apenas repreendido no julgamento em Roma e escapou de uma punição mais rigorosa.

A Organização Nacional Antidoping da Itália (Nado) revelou o caso no último dia 25. Na ocasião, explicou que Rossi havia sido pego pelo uso de dorzolamida, um remédio para o olho que pode ser usado para mascarar a ingestão de outras substâncias proibidas.

Curiosamente, tal elemento não é considerado proibido quando administrado e utilizado nos olhos, mas o jogador disse às autoridades antidoping da Itália que não o usou desta forma quando questionado em junho e julho. Diante deste cenário, o promotor responsável pelo caso pediu a suspensão de Rossi por um ano, mas não foi atendido no julgamento.

Nascido nos Estados Unidos, mas naturalizado italiano, Rossi surgiu no Manchester United, passou por Newcastle, Parma, Villarreal, Fiorentina, Levante e Celta de Vigo até chegar no Genoa. Considerado um grande talento na Itália, o jogador teve a trajetória atrapalhada por lesões gravíssimas, principalmente no joelho. Mesmo assim, vestiu as cores da seleção de seu país de 2008 a 2014.

Mais conteúdo sobre:
Giuseppe RossiGenoafutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.