Globo transmitirá jogos do Corinthians na Série B

Mesmo assim, clube de Parque São Jorge terá redução de 50% nos ganhos e receberá cerca de R$ 10 milhões

Marili Ribeiro, de O Estado de S. Paulo,

04 de dezembro de 2007 | 08h50

A Rede Globo confirmou que vai retomar da Rede TV! os direitos de transmissão da Série B para TV aberta, mas para transmitir apenas os jogos em que o Corinthians estiver em campo. Os executivos da emissora sabem da importância da torcida do clube, a segunda maior do Brasil, atrás apenas do Flamengo, e não estão dispostos a perder essa importante fatia da audiência.   Veja também:  O contraste do Corinthians campeão e do agora rebaixado O dia de sofrimento e da queda corintiana  Blog: O Inter entregou o jogo para rebaixar o Corinthians? Especial: da glória com Tevez & cia ao rebaixamento  Antônio Lopes diz que Corinthians paga pelos erros do passado  Torcida do Corinthians protesta e pede a saída de jogadores   A questão em discussão no momento é em que pedaço da congestionada grade de programação da emissora os jogos do Corinthians serão transmitidos. Em princípio, devem ganhar um horário especial aos sábados à tarde. Em 2007, a Rede TV exibia uma partida por sábado, às 16 horas. Nesse horário, a Globo passa a parte final do "Caldeirão do Huck", seguida por um filme - geralmente reprise.   "A verdade é que o time alavanca audiência e negócios graças à torcida, que vai assistir qualquer disputa, mesmo que seja com o Fubá Futebol Clube", prevê o publicitário Carlos Perrone, corintiano, presidente da agência Pepper, do Grupo Newcomm, especializada em marketing esportivo. Sob o ponto de vista de Perrone, a receita publicitária do Corinthians poderá até melhorar na atual condição de "estrela máxima" da segunda divisão.   "O time poderá negociar novos direitos de transmissão nessa condição, e assim recuperar perdas de receita que venha a ter nas negociação dos atuais patrocínios", diz ele. Essa é a promessa do presidente do clube, Andrés Sanchez, que falou grosso nesta segunda-feira. "O Corinthians é grande e nós vamos tentar renegociar todos os contratos", afirmou.   Até 2007, o Corinthians recebia R$ 21 milhões por ano referentes aos direitos de transmissão da Série A. Segundo o diretor financeiro do Clube dos 13, Paulo Peres, a cota vai cair pela metade em 2008. "Foi assim com Palmeiras, Grêmio, todo mundo que caiu para a Série B", diz. "Isso pode ser negociado para 2009, caso o Corinthians não suba. Para agora, é impossível."   No ano que vem, portanto, o clube vai receber no máximo R$ 10,5 milhões. "Pode ser até menos, porque eles já pegaram um adiantamento da cota", conta Peres. Caso o time continue na Série B em 2009, a cota diminui para 30% dos atuais R$ 21 milhões.

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansTV Globo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.