Rodrigo Jiménez/EFE
Rodrigo Jiménez/EFE

Godín faz nos acréscimos, Atlético de Madrid bate Bilbao de virada e é vice-líder

Time chega aos 23 pontos e fica um atrás do líder Barcelona, que ainda joga neste domingo, pela 12ª rodada

Estadão Conteúdo

10 Novembro 2018 | 18h30

Com um gol do zagueiro uruguaio Diego Godín nos acréscimos do segundo tempo, aos 46 minutos, o Atlético de Madrid venceu o Athletic Bilbao por 3 a 2, de virada, em casa, e se garantiu na vice-liderança do Campeonato Espanhol. O time chegou aos 23 pontos e ficou um atrás do líder Barcelona, que neste domingo, no complemento desta 12ª rodada da competição, enfrenta o Betis, em casa.

Já o Athletic Bilbao estacionou nos dez pontos e continua logo acima da zona de rebaixamento, em 17º lugar, depois de ter chegado a ficar por duas vezes à frente do placar com gols de Iñaki Wiliams neste sábado.

O atacante abriu o placar da partida aos 36 minutos do primeiro tempo, mas o meio-campista Thomas deixou tudo igual aos 16 da etapa final ao acertar forte chute de fora da área. Logo em seguida, aos 19, Iñaki Wiliams voltou a colocar os visitantes em vantagem ao finalizar para as redes um contra-ataque.

O Atlético, porém, não se deixou abater e buscou novo empate aos 40 minutos, com Rodrigo completando para o gol uma cobrança de escanteio de Thomas. E, quando a igualdade por 2 a 2 parecia certa, Godín, também usando a cabeça, garantiu o triunfo heroico dos mandantes após receber um passe do francês Griezmann.

E este gol do triunfo só foi validado após o uso da arbitragem de vídeo. Em um primeiro momento, o auxiliar do juiz marcou impedimento do lance, mas o uso do VAR comprovou que o uruguaio recebeu o passe em condição legal para marcar.

Em outros dois duelos já encerrados neste sábado pelo Espanhol, o Valencia venceu o Getafe por 1 a 0, fora de casa, e o Real Valladolid empatou por 0 a 0 com o Eibar em seus domínios. Com o triunfo como visitante, a equipe valenciana ganhou fôlego na luta para se distanciar da zona de rebaixamento e assumiu a 14ª posição, com 14 pontos, enquanto o Getafe é o 11º, com 16.

Já o Valladolid, que tinha a chance de ultrapassar o Real Madrid, chegou aos mesmos 17 pontos da equipe madrilenha, mas está logo atrás do time merengue, em sétimo lugar. O Eibar, é o 12º, com 15.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.