Reprodução Twitter Figueirense
Reprodução Twitter Figueirense

Goiás derrota o Figueirense de virada e entra no G-4 da Série B

Matheus Sales abre o placar em Florianópolis, mas Felipe Garcia e David Duarte marcam para os visitantes

O Estado de S.Paulo

17 Agosto 2018 | 23h49

Com um futebol agressivo mesmo jogando fora de casa, o Goiás entrou pela primeira vez no G4 - a zona de acesso à primeira divisão - da Série B do Campeonato Brasileiro na noite desta sexta-feira ao vencer o Figueirense, por 2 a 1, de virada, no estádio Orlando Scarpelli, pela 21ª rodada.

Em evolução desde a chegada de Ney Franco, que tem dez vitórias, dois empates e cinco derrotas, o Goiás chegou aos 33 pontos e pulou para a terceira colocação. Por outro lado, o Figueirense chegou ao quarto jogo sem vitória e estacionou nos 30 pontos, em oitavo lugar.

O primeiro tempo foi bastante movimentado e cheio de polêmicas com a arbitragem. Logo aos quatro minutos, Matheus Sales passou pelo goleiro Marcos e, mesmo sem ângulo, bateu rasteiro. A bola tocou na trave e entrou. O gol foi validado com um pouco de atraso depois do árbitro consultar o bandeirinha.

Em busca do empate, o Goiás criou diversas oportunidades através de Renato Cajá, Alex Silva e Michael. Mas o gol só saiu aos 48 minutos. Cajá cobrou escanteio, Felipe Garcia ficou com a sobra e chutou. A bola desviou na zaga alvinegra antes de entrar. O árbitro anulou após o bandeirinha assinalar impedimento de Alex Silva, mas voltou atrás porque a bola não bateu no lateral esmeraldino.

A etapa final começou morna, mas aos poucos o Goiás foi tomando conta do jogo e a virada veio aos 24 minutos. Renato Cajá cobrou escanteio na segunda trave e David Duarte cabeceou no canto. Denis ainda tocou na bola. Em busca do empate, o Figueirense não conseguiu oferecer perigo ao goleiro Marcos. Nos acréscimos, Zé Antônio foi expulso e os donos da casa terminaram com um jogador a menos.

Os dois times voltam a campo às 20h30 da próxima terça-feira, pela 22ª rodada. O Figueirense enfrenta o Boa, no estádio Dilzon Melo, em Varginha (MG), e o Goiás recebe o São Bento, no Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia (GO).

FICHA TÉCNICA:

FIGUEIRENSE 1 x 2 GOIÁS

FIGUEIRENSE - Denis; Matheus Ribeiro, Eduardo, Nogueira e Diego Renan; Zé Antônio, Matheus Sales (Maikon Leite), Lucas Marques (Juninho), Renan Mota e Gustavo Ferrareis; Henan (Elton). Técnico: Milton Cruz.

GOIÁS - Marcos; Alex Silva, David Duarte, Victor Ramos e Ernandes; Gilberto Júnior, Giovanni (Tiago Luis) e Renato Cajá (João Afonso); Felipe Garcia (Rafinha), Lucão e Michael. Técnico: Ney Franco.

GOLS - Matheus Sales, aos 4, e Felipe Garcia, aos 48 minutos do primeiro tempo. David Duarte, aos 24 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Matheus Sales e Lucas Marques (Figueirense); Victor Ramos, Edcarlos, João Afonso e Alex Silva (Goiás).

CARTÃO VERMELHO - Zé Antônio (Figueirense)

ÁRBITRO - Jailson Macedo Freitas (BA).

RENDA - R$ 77.796,00.

PÚBLICO - 3.545 pagantes.

LOCAL - Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.