Goiás faz dois gols de pênalti e Bragantino perde a sexta seguida na Série B

Time de Bragança é o primeiro na zona da degola

Estadão Conteúdo

07 Outubro 2016 | 22h46

Com dois gols de pênalti de Léo Gamalho, o segundo no último minuto de jogo, o Goiás venceu o Bragantino por 2 a 1, nesta sexta-feira, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela 30.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Esta foi a sexta derrota consecutiva do time paulista.

Com o resultado, o Goiás chegou aos 40 pontos e segue em campanha de recuperação, se afastando da zona do rebaixamento. O primeiro time dentro da zona da degola é justamente o Bragantino, que segue com 27 pontos, na 17.ª colocação. A situação do time paulista é ainda mais delicada porque seus principais concorrentes pela permanência na divisão ainda não atuaram pela rodada e só entram em campo neste final de semana.

O Goiás não conseguiu mostrar o bom futebol das últimas partidas em casa. Sem inspiração no meio de campo, o time goiano tinha dificuldades para fazer a bola chegar com qualidade para o centroavante Léo Gamalho. O jogador mais perigoso era Rossi, que levava vantagem em jogadas individuais em velocidade, mas estava muito isolado do restante da equipe.

O Bragantino apostava em contra-ataques, mas também não assustava. Nas poucas vezes em que chegou ao ataque, a defesa goiana levou a melhor e afastou o perigo para longe da meta defendida por Márcio.

Na segunda etapa, o Goiás melhorou e passou a acionar Léo Gamalho. Na primeira oportunidade, o atacante cabeceou com perigo e, na segunda, exigiu boa defesa de Renan em cobrança de falta. Na terceira, aos oito minutos, foi derrubado dentro da área e, de pênalti, abriu o placar.

O empate do visitante, no entanto, veio apenas oito minutos mais tarde. Após cobrança de escanteio de Alan Mineiro, o zagueiro Lucas Rocha apareceu sozinho para cabecear para o fundo do gol.

O Goiás buscou a vitória até o último minuto e foi recompensado com mais um pênalti, aos 46, quando John Cley foi derrubado na área. Léo Gamalho cobrou novamente e garantiu a vitória goiana.

O Bragantino volta a campo já nesta segunda-feira, às 20 horas, quando recebe o Criciúma, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), pela 31.ª rodada. O Goiás só joga no sábado, dia 15, quando recebe o Vila Nova para o clássico goiano no estádio Serra Dourada.

FICHA TÉCNICA

GOIÁS 2 x 1 BRAGANTINO

GOIÁS - Márcio; Sueliton, Wesley Matos, Alex Alves e Juninho; Adriano, Patrick (Carlos Eduardo), Léo Sena e Léo Lima (John Cley); Rossi (Marcão) e Léo Gamalho. Técnico: Gilson Kleina.

BRAGANTINO - Renan; André Rocha, Lucas Rocha, Ednei e Fabiano (Claudinho); Daniel Pereira, Gabriel Dias (Edson Sitta), Alan Mineiro e Bruno Pacheco; Léo Jaime e Rafael Grampola. Técnico: Marcelo Veiga.

GOLS - Léo Gamalho (ambos de pênalti), aos 8 e aos 46, e Lucas Rocha, aos 16 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Alex Alves e Léo Gamalho (Goiás); Lucas Rocha, Fabiano e Bruno Pacheco (Bragantino).

CARTÃO VERMELHO - Léo Jaime (Bragantino).

ÁRBITRO - Rodrigo Alonso Ferreira (SC).

RENDA - R$ 19.125,00.

PÚBLICO - 1.931 pagantes.

LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.