Goiás quer reação para manter chances de ser campeão

Sem vencer há quatro jogos - três derrotas e um empate -, o Goiás tem uma boa chance de reabilitação neste domingo, quando recebe o lanterna Fluminense, a partir das 16 horas, no estádio Serra Dourada, em Goiânia. O time goiano precisa da vitória para manter suas chances de classificação para a Libertadores de 2010.

RUBENS SANTOS, Agencia Estado

25 de outubro de 2009 | 08h07

Com a sequência negativa, o Goiás está agora com 46 pontos, três atrás do São Paulo, que ocupa a quarta posição - apenas os quatro melhores do Brasileirão se garantem na Libertadores. Por isso, a ordem é conseguir a reação diante do Fluminense, para não perder ainda mais contato com os primeiros colocados.

"Nosso time precisa de uma sequência boa de vitórias", afirmou o atacante Iarley, um dos mais experientes jogadores do elenco do Goiás. "O sonho de ficar entre os quatro melhores está vivo", garantiu o zagueiro Henrique, mostrando confiança na reação.

Mas o técnico Hélio dos Anjos tem problemas para escalar o time. O zagueiro Leandro Eusébio, suspenso, dá lugar a Valmir Lucas. Já o substituto do meia Léo Lima, também suspenso, deve ser Romerito. Enquanto isso, os volantes Everton e Amaral perdem suas vagas para Fernando e Ramalho.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroGoiás

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.