Goiás tenta quebrar jejum em casa

Sob pressão da torcida e ainda sem vencer nos jogos disputados em casa, o Goiás que amanhã às 18h10 enfrenta o invicto Botafogo (RJ) vai tentar quebrar o jejum no Serra Dourada. Para que isso aconteça o técnico Édson Gaúcho, rifado pelos maus resultados e ameaçado de perder o emprego se tropeçar, mudou o meio-campo para ser mais ofensivo. "Queremos a vitória; seremos guerreiros em campo", disse o treinador. O Goiás vem de dois empates em 0 a 0 e um derrota (3 a 1) contra o Cruzeiro, quando sofreu três gols em contra-ataque. Para reforçar a defesa, o técnico Édson Gaúcho escalou Cléber na função de terceiro volante. Vai contar com os avanços de Paulo Baier e Jadilson, pelas faixas laterais do campo, para abrir a marcação botafoguense. O time ainda se mostra defeituoso no desarme, nos passes e nas finalizações, mas tem a pretensão de ser mais ofensivo com a estréia do meia-atacante Romerito (ex-Santo André).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.