Heber Gomes/ACG
Heber Gomes/ACG

Goiás vence clássico contra Atlético-GO e sonha em escapar da queda no Brasileiro

Equipe esmeraldina segue na lanterna do Brasileirão, mas diminui diferença para escapar da zona de rebaixamento

Redação, Estadão Conteúdo

07 de dezembro de 2020 | 22h14

O Goiás venceu o Atlético-GO, por 1 a 0, na noite desta segunda-feira, no estádio Antônio Accioly, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. De quebra, encostou no Botafogo e pode começar a sonhar em evitar o rebaixamento. Com o resultado, o Goiás segue na lanterna, mas agora com 19 pontos, contra 20 do Botafogo, penúltimo colocado, e 25 do Sport, na 16ª posição. O Atlético, também ameaçado, soma 28.

Atlético-GO e Goiás fizeram um jogo muito aguerrido, com muitas faltas e poucas oportunidades de gol. O time da casa tomou a iniciativa, mas só conseguiu ameaçar na bola parada. Chico tentou olímpico, mas parou na defesa de Tadeu. O mesmo meia tentou no lance seguinte, mas novamente parou no goleiro esmeraldino.

O Goiás foi mais eficaz e abriu o placar aos 25 minutos. Jefferson fez boa jogada pela esquerda e cruzou. Shaylon desviou e a bola ficou com Rafael Moura, que estufou as redes. O Atlético encontrou dificuldades para propor o jogo, deu espaços ao adversário e acabou levando uma derrota parcial para o intervalo.

No segundo tempo, o Atlético esboçou uma pressão, mas levou um "balde de água fria" quando Fernandão fez um golaço por cobertura em Jean. No entanto, o árbitro consultou o VAR e acabou anulando o lance, nada que abatesse o time esmeraldino, que continuou com uma leve superioridade.

Aos poucos, o Atlético foi empurrando o Goiás, mas sem ser muito efetivo. Em uma das melhores oportunidades, Chico arriscou de longe e viu Tadeu fazer um milagre. A pressão continuou, mas o time goiano insistiu nas bolas alçadas dentro da área. Em uma delas, Roberson desviou e mandou na trave.

O final do jogo se transformou em ataque contra a defesa. O Atlético pressionou, mas não conseguiu passar pela marcação do Goiás, que acabou conquistando três pontos importantes na luta contra a degola.

Na próxima rodada, o Atlético visita o Ceará no sábado, às 21h, na Arena Castelão, em Fortaleza (CE). No mesmo dia e horário, o Goiás recebe o Grêmio no Serrinha, em Goiânia (GO).

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-GO 0 x 1 GOIÁS

ATLÉTICO-GO - Jean; Dudu (Arnaldo), João Victor, Éder e Nicolas (Roberson); Willian Maranhão (Rithely), Matheus Vargas (Wellington Rato), Gustavo Ferrareis (Danilo Gomes), Chico e Janderson; Zé Roberto. Técnico: Marcelo Cabo.

GOIÁS - Tadeu; Heron, David Duarte, Fábio Sanches e Jefferson (Rodrigues); Breno, Ariel Cabral (Daniel Oliveira) e Shaylon; Miguel Figueira (Henrique Lordelo), Fernandão (João Marcos) e Rafael Moura. Técnico: Glauber Ramos.

GOL - Rafael Moura, aos 25 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Arnaldo, Dudu e Willian Maranhão (Atlético); Fábio Sanches, Heron e Ariel Cabral (Goiás).

ÁRBITRO - Marcelo de Lima Henrique (RJ)

RENDA E PÚBLICO - Jogo sem torcida.

LOCAL - Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.