Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Goiás vence Cruzeiro e sai da zona de rebaixamento

O Goiás venceu o Cruzeiro por 1 a 0, nesta quarta-feira, no Estádio do Mineirão, pela 14.ª rodada do Campeonato Brasileiro, e quebrou a invencibilidade do time de Belo Horizonte em casa na competição. Com a vitória, a segunda de forma consecutiva - bateu o Palmeiras por 3 a 2 em Goiânia -, o Goiás soma 17 pontos e sai da zona de rebaixamento do campeonato. O Cruzeiro, por sua vez, mantém 24 pontos e corre o risco de ficar fora do G-4, grupo dos quatro times que se classificam para a Copa Libertadores da América, ao final da rodada.Vindo de uma derrota para o Grêmio, em Porto Alegre, o Cruzeiro começou o jogo pressionando o adversário. No entanto, foi surpreendido ainda no primeiro tempo. Aos 41 minutos, o meia-atacante Iarley cobrou uma bela falta na entrada da área e mandou a bola no ângulo esquerdo do goleiro Fábio. Na próxima rodada, o Cruzeiro enfrenta o Fluminense, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, no sábado. O Goiás recebe o Sport, no Serra Dourada, em Goiânia, no domingo. Ficha Técnica:Cruzeiro 0 x 1 GoiásCruzeiro - Fábio, Jonathan (Elicarlos), Thiago Heleno, Espinoza (Gerson Magrão) e Jadilson (Weldon); Fabrício, Charles, Marquinhos Paraná e Wagner; Guilherme e Reinaldo. Técnico: Adilson Batista.Goiás - Harlei, Rafael Marques, Henrique e Ernando; Vítor, Ramalho, Fernando (Pituca), Fabio Bahia e Júlio César; Alex Terra (Schwenck), Iarley (Thiago Feltri). Técnico: Hélio dos Anjos.Gol - Iarley, aos 41 minutos do primeiro tempo.Cartões amarelos - Thiago Heleno, Gérson Magrão, Fabrício e Guilherme (Cruzeiro); Harlei, Ramalho e Fernando (Goiás). Cartão vermelho - Júlio César (Goiás).Árbitro - Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ).Renda e público - Não divulgados. Local - Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG).

AE, Agencia Estado

23 de julho de 2008 | 21h57

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoCruzeiroGoiás

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.