Daniel Vaz
Daniel Vaz

Goiás vence Guarani em confronto direto e retorna ao G4 da Série B

Time campineiro é superado fora de casa por 2 a 1, deixa zona de acesso e estaciona e sexto lugar na classificação

Redação, O Estado de S.Paulo

13 de agosto de 2021 | 21h59

Goiânia - Com gols dos seus homens de frente — Alef Manga e Nicolas —, o Goiás levou a melhor sobre o Guarani na noite desta sexta-feira e, com a vitória por 2 a 1 na Serrinha, retornou ao G4 na abertura da penúltima rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Goiás chegou aos 31 pontos e, sem perder há quatro partidas, entrou na zona de acesso, em terceiro lugar, deixando para trás o próprio Guarani, que vinha de duas vitórias seguidas e estacionou nos 29, agora em sexto lugar.

Com uma postura agressiva desde o início, o Goiás não demorou para abrir o placar. Aos 15 minutos, Apodi cruzou e Alef Manga apareceu nas costas de Eliel para bater de primeira e no alto, sem chances para Gabriel Mesquita, que ainda evitaria o gol de Elvis num chute de longe. O Guarani também fez Tadeu trabalhar em cabeçada de Bruno Silva e finalização de Allan Victor.

Na volta do intervalo, o Goiás não conseguiu manter a mesma pegada e viu o Guarani crescer na partida, apesar da dificuldade de criar lances ofensivos diante da melhor defesa da Série B. Até que tudo mudou em um minuto.

Aos 38 minutos, Tadeu fez um milagre ao defender finalização de Matheus Souza. No contra-ataque, Alef Manga cruzou rasteiro, Gabriel Mesquita rebateu e a bola sobrou para Nicolas. Com o gol aberto, o atacante ajeitou e tocou de leve para as redes, garantindo a vitória esmeraldina.

O Guarani ainda chegou a marcar o gol de honra nos acréscimos com Júlio César, de cabeça, aproveitando cruzamento de Pablo. A bola ainda bateu na trave antes de entrar. Na sequência, por reclamação, o zagueiro Thales foi expulso e deixou o time paulista com um jogador a menos.

O Goiás volta a campo na próxima quinta-feira, contra o Brusque, às 19 horas, no estádio Augusto Bauer, em Santa Catarina. Na quarta, o Guarani recebe o Botafogo, também às 19 horas, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas. Os jogos são válidos pela 19.ª rodada, a última do primeiro turno.

FICHA TÉCNICA

GOIÁS 2 X 1 GUARANI

GOIÁS - Tadeu; Apodi (Diego), Iago Mendonça, Reynaldo e Hugo (Artur); Rezende, Caio, Luan Dias (Fellipe Bastos) e Elvis; Alef Manga (Matheus Salustiano) e Nicolas. Técnico: Marcelo Cabo.

GUARANI - Gabriel Mesquita; Pablo, Thales, Carlão e Eliel; Bruno Silva, Índio (Tony) e Andrigo; Maxwell (Renanzinho), Lucão do Break (Matheus Souza) e Allan Victor (Júlio César). Técnico: Daniel Paulista.

GOLS - Alef Manga, aos 15 minutos do primeiro tempo; Nicolas, aos 39, e Júlio César, aos 47 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Ramon Abatti Abel (SC)

CARTÕES AMARELOS - Alef Manga e Reynaldo (Goiás); Maxwell, Thales e Índio (Guarani)

CARTÃO VERMELHO - Thales (Guarani)

RENDA E PÚBLICO Portões fechados

LOCAL - Estádio da Serrinha, em Goiânia (GO).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.