Goiás vence mais uma e impede Paysandu de assumir a liderança da Série B

Time do Pará tropeçou diante dos goianos após sofrer gol de Aylon, ex-jogador do clube

Estadao Conteudo

09 de junho de 2017 | 23h46

O Paysandu perdeu a segunda partida seguida na Série B do Campeonato Brasileiro e não conseguiu assumir a liderança. Nessa sexta-feira, a equipe paraense recebeu o Goiás no Mangueirão, em Belém, e foi derrotada por 1 a 0, gol de Aylon, ex-jogador do Internacional e do próprio Paysandu.

Com o resultado, o time da casa segue com dez pontos, em terceiro lugar, e não conseguiu pular para a primeira colocação, que ficou com o Vila Nova-GO, com um ponto a mais. O Juventude também tem 11 pontos, mas só entra em campo no sábado, contra o Boa, em Varginha (MG). O Goiás, com a segunda vitória seguida, chega a oito pontos e está na 11.ª colocação, mas ainda pode ser ultrapassado já que outros seis jogos fecham a rodada no sábado.

Ninguém conseguiu tirar o zero do placar no primeiro tempo, mas o jogo foi movimentado e não faltaram oportunidades. O Paysandu chegou a balançar as redes em jogada de Welinton Junior, mas o gol foi anulado por impedimento do atacante. O Goiás também passou perto de marcar em chute de fora da área de Tiago Luis. O goleiro Emerson espalmou e a bola ainda bateu no travessão antes de sair.

O placar só foi inaugurado no início da etapa final. Logo aos três minutos, Tiago Luis cobrou falta e a bola sobrou para Aylon, que encheu o pé e estufou as redes para colocar o Goiás em vantagem.

O Paysandu tentou responder, mas não conseguia mais chegar com tanta frequência ao gol adversário. As melhores chances eram criadas pelo próprio Goiás, explorando contra-ataques em velocidade. Sem mais gols, a partida se encaminhou para o final com a vitória dos visitantes.

Todos os jogos da próxima rodada da Série B serão disputados na terça-feira. O Paysandu vai a Campinas enfrentar o Guarani no Brinco de Ouro, e o Goiás receberá o Boa no Serra Dourada.

FICHA TÉCNICA:

PAYSANDU 0 X 1 GOIÁS

PAYSANDU - Emerson; Ayrton (Hayner), Perema, Gilvan e Peri; Augusto Recife (Renato Augusto), Wesley e Fernando Gabriel (Diogo Oliveira); Welinton Junior, Leandro Carvalho e Daniel Amorim. Técnico: Marcelo Chamusca.

GOIÁS - Marcelo Rangel; Tony, Everton Sena, Alex Alves e Carlinhos; Pedro Bambu, Victor Bolt, Léo Sena (Elyeser) e Tiago Luis (Jarlan); Carlos Eduardo e Aylon (Léo Gamalho). Técnico: Sílvio Criciúma.

GOL - Aylon, aos 3 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Daniel Nobre Bins (RS).

CARTÃO AMARELO - Carlinhos (Goiás).

RENDA - R$ 71.870.

PÚBLICO - 5.495 pagantes (7.095 total).

LOCAL - Estádio Mangueirão, em Belém (PA).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolGoiásPaysandu Esporte Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.