Goleada de 10 a 0 pela 2.ª do Baiano é suspensa pelo TJD-BA

Ação movida pelo Galícia Esporte Clube dá certo e Guanambi e Leônico farão nova partida

18 de outubro de 2007 | 16h20

Como esperado, o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) da Bahia impugnou a vitória do Guanambi por 10 a 0 diante do Leônico, válida pela 2.ª Divisão, na noite desta quarta-feira, na sede da Federação Bahiana de Futebol (FBF).   O TJD-BA acatou a ação movida pelo Galícia Esporte Clube, que dava conta de que o resultado havia sido arranjado para prejudicar o Galícia. A ação foi aceita por 4 votos a 2.   Assim, a partida entre Guanambi e Leônico será novamente realizada, mas com data, horário e local a serem definidos pela FBF.   O resultado estranho levantou suspeitas de corrupção no futebol baiano, e o TJD-BA teve que agir rápido para conter o ímpeto dos dirigentes do Galícia, que estavam dispostos a levar o caso para o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Tudo o que sabemos sobre:
Campeonato Baiano 2.ª divisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.