Divulgação
Divulgação

Goleiro da melhor defesa, Cássio lamenta gol no fim em Curitiba

Corinthians estava a cinco jogos sem tomar gol no Brasileiro

O Estado de S. Paulo

26 de julho de 2015 | 19h37

Se o ataque do Corinthians não está funcionando como a torcida gostaria, a defesa tem mostrado uma segurança acima da média. Neste domingo, entretanto, a melhor defesa do Brasileirão, com apenas nove gols tomados, lamentou o vacilo no final da partida que custou a vitória contra o Coritiba.

"Precisamos manter a atenção no final, estávamos controlando bem o jogo. A desatenção nos custou o gol, mas isso serve de aprendizado para nós", disse o goleiro Cássio, que retornou de lesão justamente neste domingo.

Ao todo foram cinco jogos sem tomar gol (Atlético-MG, Flamengo, Atlético-PR, Goiás, Ponte Preta). A defesa Alvinegra não era vazada desde o dia 27 de junho, quando venceu o Figueirense por 2 a 1 na Arena Corinthians. 

"Merecíamos a vitória, mas pecamos no final e saímos com o empate", lamentou o goleiro. "Estamos lá na frente e vamos procurar nos manter assim para não perder contato com o líder", justificou. Agora dois pontos distante do líder Atlético-MG, o Corinthians na próxima rodada encara em sua casa o desesperado Vasco, um dos piores ataques do torneio.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.