Goleiro do Barça é suspenso por simular apito do árbitro

O goleiro reserva do Barcelona, José Pinto, foi punido nesta sexta-feira por ter simulado o apito do árbitro, fazendo com que o atacante adversário parasse a jogada por pensar que estava impedido. São dois jogos de suspensão, ambos na Liga dos Campeões da Europa.

AE, Agência Estado

29 de outubro de 2010 | 15h50

O curioso caso aconteceu no dia 20 de outubro, quando o Barcelona recebeu o Copenhague no Camp Nou, em jogo da Liga dos Campeões da Europa. No lance, o atacante César Santin, do time dinamarquês, parou a jogada quando ia sozinho para o gol e ouviu o assobio.

Naquele momento, o Barcelona ganhava por 1 a 0. Depois, com a incrível chance perdida pelo Copenhague no lance do apito falso de José Pinto, o time espanhol acabou vencendo o jogo por 2 a 0. O time dinamarquês, no entanto, entrou com protesto na Uefa.

Assim, a entidade julgou o caso nesta sexta-feira, determinando a suspensão do goleiro de 34 anos. Segundo a Uefa, José Pinto foi punido por "conduta antidesportiva". Mas, como é reserva de Valdes, ele não deve fazer muita falta ao Barcelona.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBarcelona

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.