Goleiro Roger pode sair e não jogará

O Flamengo entrou na briga com o Santos para ficar com o goleiro Roger. Uma reunião segunda-feira entre o jogador, seu procurador Cláudio Guadagno e o presidente Marcelo Portugal Gouvêa definirá o seu futuro.Por conta dessa indefinição, o atleta conversou com o técnico Paulo Autuori e pediu para não ser escalado para a partida contra o Santos, domingo, na Vila Belmiro. Seu substituto será o catarinense Flávio Kretzer, que está no clube há um ano e meio e participou apenas de dois amistosos até agora. Na reserva, ficará Matheus.Apenas um titular enfrentará o Santos. É Diego Tardelli, definido na noite de quinta-feira como dono da posição que era de Luizão. "Estou muito feliz com essa confirmação. Vai ser bom jogar na Vila, acho que esse time do São Paulo também é muito competitivo e pode fazer um bom papel. Foi assim que eles ganharam do Flamengo, mesmo com dez jogadores", afirma Diego Tardelli.O time será o "Expressão" e não o "Expressinho". Terá, além de Diego Tardelli, Souza e Fábio Santos, que participaram da última partida da Libertadores. Jogará também Edcarlos, que foi titular do São Paulo em boa parte do ano.Renan, que foi importante nas vitórias contra o Palmeiras, estará em campo, assim como Marco Antônio, que começou bem o ano e depois decaiu.O time deverá começar com Flávio Kretzer, Flávio, Adriano e Edcarlos; Michel, Renan, Souza, Marco Antônio e Fábio Santos; Roger e Diego Tardelli. Hernanes, que substituiu Michel durante o jogo contra o Flamengo, tem possibilidade de começar a partida.Ganhar do Santos na Vila com um time misto é o sonho de consumo de todo são-paulino no momento. Todos se lembram de que o adversário preferiu jogar em Mogi-Mirim no Campeonato Paulista para impedir que o time de Leão desse a volta olímpica na Vila."Será que eles vão levar o jogo para o Interior de novo? Nós já demos a volta olímpica no Morumbi, não vamos repetir isso na Vila", ironiza Marco Aurélio Cunha.Autuori não se envolve em provocações. "Os titulares voltarão contra o Brasiliense, quarta-feira, e contra o São Caetano, no outro sábado. Vamos iniciar a recuperação no Campeonato Brasileiro."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.