Goleiro Rubinho doa sangue ao HC

Seguindo o exemplo do pai, José Moedim, que costuma participar das campanhas do Pró-Sangue, o goleiro Rubinho, do Corinthians, também aderiu ao movimento. O jogador compareceu hoje ao posto central da entidade, no Hospital das Clínicas, em São Paulo, e contribuiu com 450 ml - quantidade máxima permitida por lei para cada doador. Rubinho encabeça a campanha ?Siga o exemplo de seu ídolo: doe sangue?. A iniciativa partiu do próprio jogador, que também entregou à Pró-Sangue uma camisa do Corinthians autografada para ser sorteada entre os voluntários que doarem sangue no mês de setembro. Antes de Rubinho, no esporte, só uma equipe do judô fez um trabalho semelhante, em 1998.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.