Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Gramado da Arena Corinthians vira alvo de críticas: ‘Está meio ruim’, diz Cássio

Goleiro corintiano reclama das condições do campo e presidente diz que fungo pode ser o causador do problema

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

27 de janeiro de 2019 | 04h34

Motivo de elogio até de rivais no passado, o gramado da Arena Corinthians recebeu críticas após a vitória do Corinthians por 1 a 0 sobre a Ponte Preta, neste sábado. A forte chuva que caiu em Itaquera, durante o jogo, fez com que o campo ficasse com poças de água, principalmente dentro da pequena área. O goleiro Cássio foi um dos atletas que reclamou do terreno após a partida.

“É uma coisa nova, aqui sempre foi o melhor estádio, porque a qualidade sempre foi muito boa. Esse ano não sei o que aconteceu, mas está meio ruim e com um pouco de terra”, disse o goleiro.

Antes, o gramado era citado pelo Corinthians como um ponto forte quando jogava em casa. O presidente Andrés Sanchez revelou que um fungo atingiu o campo, mas que o problema está sendo solucionado.

“Pegou um fungo no gramado, por isso está desgastado. Leva 10 a 15 dias para melhorar. Não vi a bola parando, mas talvez seja por isso", explicou o dirigente.

Cássio espera que o problema seja solucionado o quanto antes, para não atrapalhar a equipe na sequência da temporada. “Atrapalha um pouco, mas é ruim para nós assim como para a equipe adversária. Espero que o mais rápido possível possa voltar o mesmo estado de gramado dos próximos anos."

 

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansArena Corinthiansfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.