Salvatore di Nolfi/AP - 07/09/2010
Salvatore di Nolfi/AP - 07/09/2010

Grandes clubes europeus vão boicotar reuniões na Fifa

AEC quer reduzir de cerca de 12 para 6 o número de datas reservadas a partidas entre seleções por ano

MIKE COLLETT, REUTERS

24 de fevereiro de 2012 | 20h05

LONDRES - A Associação Europeia de Clubes, que representa os 200 maiores times do continente, disse na sexta-feira que decidiu boicotar as reuniões com a Fifa, devido à relutância da entidade que dirige o futebol mundial em alterar o calendário internacional do esporte.

A Fifa convocou para o dia 5 em Zurique uma reunião para rever o atual calendário, mas a AEC rejeitou o convite, por decisão do seu presidente, Karl-Heinz Rummenigge, e do seu secretário-geral, Michele Centenaro.

"Tivemos discussões com a Uefa (entidade que dirige o futebol europeu) e estamos perto de encontrarmos um acordo final com eles, mas as negociações com a Fifa têm sido frustrantes, e decidimos não participar das reuniões da Fifa até segunda ordem."

A AEC quer reduzir de cerca de 12 para 6 o número de datas reservadas a partidas entre seleções a cada temporada, e banir esses jogos nos meses de junho e agosto.

Dirigentes e técnicos europeus costumam se queixar dessas datas - especialmente dos amistosos internacionais disputados em agosto, quando os times da Europa nem estrearam nos seus respectivos campeonatos nacionais.

A Fifa reluta em reduzir o número de datas para as seleções, que representam uma importante fonte de renda, e também rejeita o pedido da AEC para que a entidade faça um seguro e arque com os salários de jogadores que se lesionarem jogando por suas seleções.

A AEC vai apresentar uma proposta de calendário na sua assembleia geral da semana que vem em Varsóvia, com a presença de dirigentes de equipes de 53 países.

Tudo o que sabemos sobre:
FUTFIFABOICOTE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.