Lucas Uebel / Grêmio FBPA
Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Grêmio adquire Matheus Henrique e assina contrato até 2022 com o meia

Meia surgiu na base do São Caetano e já jogou nove vezes em 2018 pelo tima gaúcho, com dois gols

Estadão Conteúdo

27 Setembro 2018 | 13h34

Ao mesmo tempo em que está envolvido na disputa pelos títulos do Campeonato Brasileiro e da Copa Libertadores, o Grêmio planeja o seu futuro. E, nesta quinta-feira, a diretoria do clube gaúcho anunciou que adquiriu um porcentual dos direitos econômicos do meia Matheus Henrique, além de ter renovado o seu contrato até dezembro de 2022.

Matheus Henrique, de 20 anos, foi contratado inicialmente pelo Grêmio por empréstimo até o fim de 2018, sendo que esse acordo deixou o time com 10% dos direitos do meia. O contrato também previa a possibilidade de a equipe comprar outros 40% dos direitos junto ao São Caetano. E embora não tenha revelado quanto foi adquirido, a diretoria indicou que a parcela comprada foi maior do que a estipulada.

"O Grêmio exerceu nesta semana a opção de compra dos direitos do meia Matheus Henrique junto ao São Caetano, adquirindo um porcentual superior àquele que estava previamente acordado. A possibilidade estava prevista no contrato de empréstimo com o clube paulista, e agora Matheus assina contrato definitivo com o Tricolor até dezembro de 2022", afirmou o time gaúcho em nota oficial.

Matheus Henrique se destacou no início da temporada pelo Grêmio, quando o clube utilizou jogadores do time B e jovens das divisões de base no Campeonato Gaúcho. E, posteriormente, foi incluído na lista de inscritos do clube na Copa Libertadores. Neste ano, ele entrou em campo nove vezes, com dois gols marcados.

Antes de comprar Matheus Henrique e ampliar o vínculo do meia, o Grêmio havia acertado, recentemente, a renovação dos contratos de Everton e Pepê.

 
Mais conteúdo sobre:
futebolGrêmioMatheus Henrique

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.