Grêmio arranca empate contra Cruzeiro

Grêmio e Cruzeiro fizeram uma partida movimentada, mas sem brilho no fechamento da primeira rodada do Grupo C em Natal. Tanto equilíbrio tático resultou no empate por 1 a 1. O destaque do jogo foram os avanços pela direita, principalmente no segundo tempo, do atacante gremista Luiz Mário. Aos 17 minutos do primeiro tempo, Ricardinho chutou forte e rasteiro de longe e o goleiro Eduardo, ajoelhado, só viu a bola entrar no canto esquerdo. Após abrir o placar, o Cruzeiro dominou e Jorginho perdeu gol feito, ao tentar colocar no canto esquerdo de Eduardo, aos 23 minutos. A bola raspou a trave. O primeiro lance de perigo do Grêmio só veio aos 30 minutos quando Fábio Baiano chutou de longa distância com perigo para Jefferson. O segundo tempo começou morno. Parecia que o Grêmio estava mais preocupado com a primeira semifinal contra o Olímpia, quarta-feira em Assunção, pela Taça Libertadores da América. Aos 13 minutos, Cris perdeu a bola na ponta direita para Luiz Mário, e a zaga cruzeirense furou. Na sobra, Rodrigo Mendes tocou meio sem jeito, de pé esquerdo e venceu o goleiro Jefferson. Depois do empate o Grêmio subiu de produção e esteve perto de virar a partida. O Cruzeiro, apesar de surpreendido, teve duas chances, aos 35 e 44 minutos da etapa final. Na primeira, Ricardinho ganhou a disputa com a zaga gremista e bateu forte de pé direito. Quase repetindo o lance do primeiro gol. Na última chance, Lúcio, que entrou na metade do segundo tempo, dominou uma bola na entrada da área, passou por Claudiomiro e chutou por cima do gol de Eduardo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.