Grêmio bate Caxias; Inter o Juventude

Grêmio e Inter venceram na abertura da segunda fase do Gauchão, neste domingo à tarde. Em Porto Alegre, com gol de Márcio Oliveira, cobrando falta no ângulo de Luiz Müller, a equipe bateu o Caxias por 1 a 0 e é o líder do grupo 4 com três pontos ganhos, ao lado do 15 de Novembro, que no sábado venceu o Brasil, em Pelotas, por 1 a 0, com gol de Flávio. Em Caxias do Sul, pelo grupo 5, o Inter derrotou o Juventude por 2 a 1 e assumiu a liderança com três pontos.A vitória do Grêmio foi merecida, pois não deu chances ao Caxias, principalmente no primeiro tempo. Na segunda etapa, mesmo que tenha melhorado, o Caxias não conseguiu superar a boa marcação do tricolor gaúcho que, mesmo com vários reservas, conseguiu manter o ritmo sem ser ameaçado pelo ataque do Caxias, que teve apenas duas conclusões perigosas ao gol de Márcio.Em Caxias do Sul, o jogo, que foi muito movimentado do início ao fim, teve vários lances de gol. Os mais importantes aconteceram aos 33, quando Diogo, sem goleiro, após falha de Júlio Sérgio, concluiu para fora. Um minuto depois foi a vez de Marcelo, pelo Juventude, chutar fraco para fácil defesa de Clemer, que logo após a reposição de bola sentiu uma lesão muscular e saiu para a entrada de André. Aos 26 minutos o zagueiro Picolli saiu desacordado de campo, após um mal súbito e foi substituído por Daniel. "Ele fez um movimento rápido de aceleração com a cabeça para afastar a bola da área, sentiu a dor e desmaiou. Como foi prontamente atendido, está se recuperando bem", informou o médico do Juventude, João José Zanini.No segundo tempo, o ritmo foi mantido pelas duas equipes. Aí valeu a maior competência do Inter, que fez 1 a 0 aos 18 minutos através de Edinho. Numa falha da zaga deixou o Juventude empatar aos 28, com Bruno, de cabeça, mas se recuperou aos 34 com Índio que, de cabeça, após escanteio batido por Jorge Wagner, definiu o placar que deixou o time na liderança do grupo 5, com três pontos ganhos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.