AssCom Dourado
AssCom Dourado

Grêmio busca empate duas vezes contra Cuiabá, mas segue na zona de rebaixamento

Esta foi a quarta vez que o time gaúcho perdeu a chance de deixar a degola e agora aparece na 17ª colocação, com 23 pontos

Redação, O Estado de S.Paulo

07 de outubro de 2021 | 00h12

A crise continua. Em um dos jogos que movimentaram as disputas da 24.ª rodada do Brasileirão na noite desta quarta-feira, o Grêmio ficou duas vezes atrás no placar e mesmo assim conseguiu empatar com o Cuiabá, por 2 a 2, em Porto Alegre. Apesar disso, o tricolor gaúcho chegou a três jogos sem vitória e segue amargando a zona de rebaixamento.

Esta foi a quarta vez que o Grêmio perdeu a chance de deixar a degola e agora aparece na 17.ª colocação, com 23 pontos. O Santos, primeiro time fora da zona de rebaixamento, tem 24, mas ainda joga contra o São Paulo no encerramento da rodada nesta quinta-feira. O Cuiabá também vive um jejum de vitórias, quatro jogos sem vencer e aparece na 12.ª posição, com 30 pontos.

Precisando de um bom resultado, o Grêmio começou a partida fazendo pressão na área adversária e, após ter duas boas chances de abrir o placar, viu o Cuiabá marcar em um contra-ataque. Aos 22 minutos, Lucas Hernándes lançou Jenilson em profundidade, que foi até a linha de fundo e cruzou para trás, encontrando Max que chegou batendo de primeira para o fundo das redes.

Assustando com a situação, o Grêmio se lançou ao ataque, mas só conseguiu empatar no começo do segundo tempo, depois de Felipão ter feito duas mudanças no setor ofensivo. Logo aos seis minutos, Rafinha invadiu a área e cruzou rasteiro para Alisson, que ajeitou o corpo e fuzilou para o gol, sem chances para o goleiro Walter.

Depois disso, o ritmo aumentou e o Cuiabá voltou a ficar à frente do placar, desta vez com um gol de bola parada. Aos 33 minutos, Rafael Gava cobrou escanteio e Marllon se antecipou aos marcadores para cabecear para o fundo das redes. O goleiro Brenno até chegou a tocar na bola, mas não conseguiu impedir o segundo gol do visitante.

Apesar disso, enquanto o adversário ainda comemorava, o Grêmio conseguiu deixar tudo igual no placar, mais uma vez com Alisson. Aos 36 minutos, Rafinha levantou na área e o atacante bateu de perna direita para estufar as redes. Nos minutos finais, o duelo seguiu movimentado, mas terminou mesmo empatado por 2 a 2.

Os dois times voltam a campo no próximo final de semana para a disputa da 25.ª rodada do Brasileirão. No domingo (10), o Grêmio visita o Santos, na Vila Belmiro, às 16h. Já na segunda-feira (11), o Cuiabá recebe o São Paulo, na Arena Pantanal, às 20h.

FICHA TÉCNICA:

GRÊMIO 2 x 2 CUIABÁ

GRÊMIO - Brenno; Vanderson, Ruan, Kannemann e Rafinha; Thiago Santos (Jean Pyerre), Lucas Silva e Campaz (Ferreira); Alisson (Jhonata Robert), Douglas Costa e Diego Souza (Churín). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

CUIABÁ - Walter; João Lucas, Marllon, Alan Empereur e Lucas Hernández (Lucas Ramon); Auremir, Camilo (Jonathan Cafu), Pepê (Rafael Gava) e Max; Jenison (Elton) e Clayson (Felipe Marques). Técnico: Jorginho Campos.

GOLS - Max, aos 22 minutos do primeiro tempo. Alisson, aos 6 e aos 36, e Marllon, aos 33 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Thiago Santos (Grêmio); Alan Empereur e Lucas Ramon (Cuiabá).

ÁRBITRO - Wilton Pereira Sampaio (GO).

RENDA - R$ 199.481,00.

PÚBLICO - 4.931 pagantes.

LOCAL - Arena Grêmio, em Porto Alegre (RS).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.