Grêmio começa luta pelo tricampeonato na Libertadores

O Grêmio começa a mostrar nesta quinta-feira, contra o Cerro Porteño, em Assunção, se o time que faz sucesso no Campeonato Gaúcho tem condições de brigar pelo terceiro título do clube na Copa Libertadores da América.O técnico Mano Menezes conta com a experiência do goleiro Saja, do zagueiro Schiavi e do meia Tcheco, com o talento e a disposição dos volantes Lucas e Diego Souza, a rapidez e os dribles do jovem Carlos Eduardo e os gols do atacante Tuta para ganhar dos paraguaios e largar na liderança isolada do Grupo 3, beneficiado pelo empate dos times colombianos Cúcuta e Tolima, na terça-feira.Mantendo a tradição de fazer mistério até o início do jogo, o treinador não definiu como montará seu meio-campo. Se optar por uma formação mais defensiva, escalará o volante de contenção Edmílson, e deixará o armador Ramón no banco. Se Edmílson ficar de fora, os volantes Lucas e Diego Souza se revezarão na proteção à defesa e nas arrancadas para o ataque. Outra dúvida está na defesa. O zagueiro Teco poderá continuar no time no lugar de William, que está recuperado de contusão, mas sem o mesmo ritmo de jogo de seu colega.A preparação do Grêmio para a estréia enfrentou problemas inesperados. Em Assunção desde terça-feira, os jogadores tiveram de treinar protegidos por repelentes de insetos, para se prevenir do surto de dengue que o Paraguai está enfrentando.Esta é a 11.ª participação do Grêmio na Libertadores. O clube costuma fazer boas campanhas. Além dos dois títulos, em 1983 e em 1995, foi vice-campeão em 1984, semifinalista em 1996 e 2002 e chegou às quartas-de-final em 1997, 1998 e 2003. Fracassos completos só ocorreram em 1982 e 1990, quando a equipe foi eliminada na primeira fase.O Cerro Porteño tem um currículo mais modesto em Libertadores. Apesar de participar do campeonato mais vezes que o Grêmio - esta é a 29.ª do time - o melhor desempenho foi chegar às semifinais, por duas vezes.A equipe paraguaia encara os gaúchos com elenco renovado. O time disputa sua primeira partida oficial este ano, por causa da crise institucional que envolveu a Associação Paraguaia de Futebol e obrigou o adiamento do Torneio Apertura para o próximo fim de semana, quando deveria ter começado no início do mês.Ficha técnica:Cerro Porteño - Hilario Navarro; Lorgio Alvarez, Rodrigo Costa, Nelson Cabrera (Fidel Pérez) e Jorge Núñez; Gustavo Morínigo, Edgar González, Domingo Salcedo e Ernesto Cristaldo; César Ramírez e Alejandro da Silva. Técnico: Gustavo Costas.Grêmio - Saja; Patrício, Schiavi, William (Teco) e Bruno Teles; Edmilson (Ramón), Lucas, Diego Souza, Tcheco e Carlos Eduardo; Tuta. Técnico: Mano Menezes.Árbitro - Héctor Baldassi (ARG). Horário - 22h45 (horário de Brasília). Local - Estádio General Pablo Rojas, em Assunção (Paraguai).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.