Divulgação/Grêmio
Divulgação/Grêmio

Grêmio critica Galatasaray e pode segurar Alex Telles

Clube turco quer fazer uma mudança no contrato do lateral-esquerdo

Agência Estado

08 de janeiro de 2014 | 16h44

PORTO ALEGRE - Eleito melhor lateral-esquerdo do Campeonato Brasileiro pela CBF, o lateral-esquerdo Alex Telles pode ficar no Grêmio. Nesta quarta-feira, o diretor executivo do clube, Rui Costa, revelou que uma mudança na negociação da venda do jogador para o Galatasaray emperrou a transferência e o jogador permanece em Porto Alegre até que as pendências sejam resolvidas por gaúchos e turcos.

"É um assunto que tem certa complexidade. Tínhamos trocado minutas do contrato com o Galatasaray. Para nossa surpresa, ontem (terça) houve uma alteração importante no contrato. Não digo que eles não vão pagar. Mas nós precisamos ter cautela. E o contrato que o Galatasaray nos deu não nos dá segurança", explicou o dirigente, em entrevista coletiva.

Alex Telles, contratado junto ao Juventude no começo do ano passado, para compor o grupo, acabou se tornando titular da equipe já durante o Campeonato Gaúcho e foi um dos destaques da campanha que levou ao vice no Brasileirão. Aos 20 anos, ele seria vendido por 7 milhões de euros, com o Grêmio recebendo 40% do valor.

"Estamos muito tranquilos em relação a ele. Eu disse para ficar tranquilo, porque tem contrato em vigor e vai disputar a Libertadores. É do Grêmio. O Galatasaray assumiu um compromisso e mudou na última hora. Não vamos fazer nenhum negócio que coloque o Grêmio em risco", garantiu Rui Costa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.