Grêmio deve ter Edílson na direita contra o Fluminense

O técnico do Grêmio, Vanderlei Luxemburgo, ainda não definiu o substituto do lateral-direito Tony, suspenso, no jogo contra o Fluminense, nesta quarta-feira, no estádio Olímpico, pelo Campeonato Brasileiro.

AE, Agência Estado

24 de julho de 2012 | 19h39

Como Gabriel, antigo titular do setor, deve ser negociado, a tendência é que Luxemburgo promova o retorno de Edílson, que cumpriu suspensão de quatro jogos por ter agredido o palmeirense Henrique na semifinal da Copa do Brasil. Dessa forma, Pará, também destro, deve ser mantido na esquerda.

Outra volta certa é a do atacante Kléber, que ficou de fora do empate com o Botafogo, no último domingo, por ter recebido o terceiro cartão amarelo na rodada anterior. Leandro, que formou dupla com Marcelo Moreno no Engenhão, fica como opção no banco de reservas.

Ainda há a possibilidade do zagueiro Werley, recuperado de lesão, voltar ao time titular no lugar de Vílson.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoGrêmioEdílson

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.