Grêmio empata com o Guarani: 1 a 1

No duelo de campeões brasileiros, mas desta vez válido pela Série B, o Guarani cedeu o empate nos acréscimos e ficou no 1 a 1 com o Grêmio, neste sábado à tarde, no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas, pela quinta rodada. O atacante Samuel livrou os gaúchos da derrota aos 47 minutos do segundo tempo e ainda colocou seu time na oitava colocação, com sete pontos. O time campineiro, com o empate, saiu da zona do rebaixamento pela primeira vez. Agora é o 16º colocado, com cinco pontos. "Não ganhamos um ponto, perdemos dois. Um resultado nestas circunstâncias é sempre ruim", definiu o técnico José Carlos Serrão, que voltou a ter sua saída do clube cogitada. A torcida o apupou muito após o inesperado empate. A partida começou com os dois times bastante cautelosos, sempre dando ênfase à defesa e saindo de seu campo apenas nos contra-ataques. As chances de gol foram poucas, mas quem levou maior perigo foi o Grêmio, em cabeçada de Bruno que o jovem goleiro Fernando defendeu. Já sob alguns protestos da torcida, o Guarani tentou pressionar no final, mas não conseguiu nada além de algumas jogadas pela linha de fundo. Na etapa final, o Guarani chegou ao seu gol logo aos quatro minutos. Paulo André completou de cabeça uma cobrança de escanteio de Alexandre Salles e marcou seu primeiro na Série B. O jogo ganhou emoção no segundo tempo, mas a defesa do time campineiro e o goleiro Fernando garantiam a vitória. No entanto, aos 47 minutos, o atacante Samuel arriscou de fora da área e acertou o canto, decretando o empate. O Guarani volta a campo no próximo sábado, quando enfrenta o Sport, em Recife. No domingo o Grêmio recebe o Náutico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.