Grêmio estreia na Libertadores com vitória magra no Uruguai

Gol do triunfo foi marcado pelo paraguaio Riveros aos 23 minutos do segundo tempo

AE, Agência Estado

14 de fevereiro de 2014 | 00h17

MONTEVIDÉU - No chamado "grupo da morte" da Copa Libertadores, o Grêmio teve uma ótima estreia nesta quinta-feira. No lotado estádio Parque Central, em Montevidéu, o time gaúcho derrotou o Nacional por 1 a 0, no jogo que abriu o Grupo 6 da competição continental, que ainda tem o Atlético Nacional, da Colômbia, e o Newell´s Old Boys, da Argentina.

O resultado positivo foi obtido em uma partida muito equilibrada e cheia de jogadas mais ríspidas. O gol do triunfo foi do volante paraguaio Riveros, aos 23 minutos do segundo tempo. "Parabenizo todos os jogadores por essa importante vitória contra uma equipe com muita tradição. Agora é pensar no Campeonato Gaúcho e daqui duas semanas teremos um jogo em casa", disse o meia Zé Roberto, logo após a partida.

Em campo, os setores defensivos foram os destaques. Com forte marcação de ambos os lados, poucas chances de gol foram criadas. Quando um espaço aparecia na intermediária, tantos os jogadores do Nacional como os do Grêmio arriscavam chutes de longe. Nenhum, no entanto, levou muito perigo para os goleiros Munúa e Marcelo Grohe.

Em uma jogada bem treinada do Grêmio, saiu o gol do jogo. Em uma triangulação pela direita, iniciada por Barcos, a bola chegou na ponta direita para Ramiro, que cruzou com perfeição na segunda trave. Lá, Riveros estava livre e cabeceou com força no canto direito baixo de Munúa para decretar a vitória gremista.

Na segunda rodada, o Grêmio jogará em sua arena, em Porto Alegre, contra o Atlético Nacional, no próximo dia 25. O Nacional tentará a reabilitação contra o Newell´s Old Boys, em Rosário, na Argentina, dois dias depois.

FICHA TÉCNICA

NACIONAL 0 x 1 GRÊMIO

NACIONAL - Gustavo Munúa; Pablo Álvarez, Andrés Scotti, Jorge Curbelo e Juan Manuel Díaz; Nicolás Prieto, Maximiliano Calzada, Rinaldo Cruzado (Dorrego) e Gastón Pereiro (Mascia); Iván Alonso e Carlos De Pena (Recoba). Técnico: Gerardo Pelusso.

GRÊMIO - Marcelo Grohe; Pará, Werley, Rhodolfo e Wendell; Edinho, Riveros (Léo Gago), Ramiro e Zé Roberto (Maxi Rodríguez); Luan (Bressan) e Barcos. Técnico: Enderson Moreira.

GOL - Riveros, aos 23 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Andrés Scotti (Nacional); Barcos, Werley e Riveros (Grêmio).

ÁRBITRO - Antonio Arias (Fifa/Paraguai).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Parque Central, em Montevidéu (Uruguai).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa LibertadoresGrêmio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.