Grêmio ganha da Lusa em pleno Canindé

A Portuguesa deixou escapar a chance de antecipar a classificação para a segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série B ao perder para o Grêmio por 2 a 1, neste domingo à tarde, no Canindé, fechando a 18.ª rodada. Com 30 pontos, o time paulista é quinto colocado e terá que buscar a vaga nos últimos três jogos. O Grêmio, com 32 pontos e na vice-liderança, está praticamente classificado."Não podemos perder a concentração em nosso objetivo. Perdemos o jogo, mas não o campeonato. Aqui foi uma batalha, mas a guerra ainda não terminou", disse o técnico Giba, decepcionado porque esperava dar a vaga de presente à torcida, em comemoração ao aniversário de fundação do clube, que completou 85 anos no último dia 14. Perto de dez mil pessoas foram ao Canindé.Na realidade, a Portuguesa não foi tão mal, mas o Grêmio se apresentou bem, principalmente na marcação e na eficiência. Jeovânio apareceu como terceiro zagueiro e neutralizava as ações do time da casa, enquanto os gaúchos esperavam o momento certo para aproveitar o contra-ataque. Ele saiu aos 22 minutos, quando Samuel tocou para Marcelo, que vislumbrou Ânderson e este bateu forte de perna esquerda: 1 a 0.Não houve tempo da Portuguesa se organizar, porque o Grêmio chegou ao segundo gol, aos 31 minutos. Sandro lançou Marcel que, sozinho, ampliou: 2 a 0. O time paulista se desesperou em campo e só foi ser acalmado no intervalo pelo técnico Giba. "Disse a eles que nada estava perdido, que estávamos apenas num jogo e que precisávamos reagir", explicou Giba.O time voltou melhor para o segundo tempo, com Johnson no lugar de Oliveira. A situação melhorou aos seis minutos, quando Leandro Amaral diminuiu ao chutar, a bola desviou em Escalona, subiu e enganou o goleiro Galatto.A reação emperrou aos 16 minutos quando Rodrigo Pontes cometeu falta violenta sobre Escalona e foi expulso. No primeiro tempo ele já tinha recebido o cartão amarelo. Com um a menos, a Portuguesa diminuiu seu ritmo e o Grêmio passou a tentar segurar o resultado na espera de confirmar a vitória num contra-ataque. Até teve chances, mas não conseguiu. Aos 30 minutos, Escalona foi expulso e deixou a Portuguesa se atirar ao ataque para buscar o empate. A melhor chance aconteceu aos 44 minutos, quando Galatto saiu errado do gol e Cléber chutou firme, mas o lateral Patrício, de cabeça, salvou já em cima da linha. "Mostramos maturidade para segurar o resultado. Fizemos um excelente primeiro tempo, mas tomamos um gol logo no início do segundo tempo", analisou Mano Menezes, técnico gremista.Na próxima rodada, a Portuguesa enfrentará o Paulista, em Jundiaí, enquanto o Grêmio atuará em casa diante do Vila Nova.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.