Lucas Uebel/Divulgação
Lucas Uebel/Divulgação

Grêmio obtém efeito suspensivo e vai jogar final em casa

Clube havia sido punido com perda de mando na Copa do Brasil  

O Estado de S.Paulo

17 de novembro de 2016 | 15h54

O Grêmio poderá atuar em seu estádio contra o Atlético-MG no segundo jogo da final da Copa do Brasil, dia 30 de novembro. O auditor do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Otávio Noronha, deferiu nesta quinta-feira o pedido de efeito suspensivo contra a perda de mando de campo e multa de R$ 30 mil pela invasão ao gramado da filha do técnico Renato Gaúcho, Carol Portaluppi, ao final da partida contra o Cruzeiro, pela semifinal da competição. 

A pena aplicada pela Comissão Disciplinar na quarta-feira fica suspensa até que o recurso seja julgado e concluído no Pleno, última instância nacional. Ainda não há dará prevista para o julgamento. Antes da decisão, o presidente do STJD, Ronaldo Piacente, já havia prometido rever o caso.

A punição ao Grêmio foi considerada exagerada, uma vez que o próprio STJD admitiu não ter sido uma infração grave. A denúncia teve como base o artigo 213, inciso II do Código Brasileiro de Justiça Desportiva. "Deixar de prevenir e reprimir invasão de campo ou local da disputa do evento". 

Carol Portaluppi se posicionou no banco de reservas nos minutos finais da partida contra o Cruzeiro e, depois do apito final, entrou em campo e deu um abraço no pai. Na súmula da partida, o árbitro Thiago Duarte Peixoto relatou o incidente, explicando que foi o próprio Renato que pediu que ela entrasse e que não teve tempo hábil para retirá-la pois o jogo se encerrou logo depois.

O Grêmio entrou com o pedido de efeito suspensivo poucas horas depois da punição, que, nas palavras do clube, foi 'surreal', 'estapafúrdia' e 'estranha'. A perda de mando de campo durou menos de 24 horas. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.