Lucas Uebel/ Grêmio
Lucas Uebel/ Grêmio

Grêmio recebe o Sport e quer encerrar sequência negativa no Brasileiro

Equipe de Renato Gaúcho, que conquistou o Estadual no final de semana, empatou os últimos quatro jogos no torneio nacional

Redação, Estadão Conteúdo

03 de setembro de 2020 | 08h13

Depois de ser tricampeão gaúcho, o Grêmio concentra todas as suas atenções no Campeonato Brasileiro. Nesta quinta-feira, às 19 horas, o time tricolor recebe o Sport, em Porto Alegre, pela sétima rodada, com o objetivo de encerrar a sequência de empates na competição.

O Grêmio está invicto no Brasileirão. No entanto, em cinco jogos, venceu apenas um, na estreia diante do Fluminense, por 1 a 0, e empatou os outros quatro, o que o deixa com sete pontos, longe, portanto, do grupos dos primeiros colocados na tabela de classificação.

A sequência sem triunfos, porém, não preocupa o meio-campista Matheus Henrique, que retorna à equipe após ser ausência no segundo jogo da final do Gauchão, diante do Caxias. Mas o jogador admite a necessidade de melhorar a pontuação.

"A gente sabe que precisa pontuar, mas estamos em uma invencibilidade. São 38 rodadas no Brasileiro, e o importante é não perder. Claro que temos quatro empates, mas sabemos que nos quatro jogos merecíamos ter ganho. O professor dá tranquilidade, ainda mais depois de um título, vamos mais tranquilos. Nossa cabeça está muito boa para o restante da temporada", assegurou o jogador.

Além de Matheus Henrique, o técnico Renato Gaúcho também vai poder contar de novo com o atacante Pepê. O jovem não teve lesão detectada na coxa esquerda, participou do último treino e está liberado. Com um desconforto, ele não enfrentou o Caxias no último domingo.

Já Maicon, outro que ficou de fora da última partida, não deve ir para o jogo. O volante apresenta dores musculares, chegou a treinar na terça-feira, mas não esteve na última atividade antes do duelo. Por isso, a tendência é de que não fique à disposição.

Antes do confronto, como é de praxe, o Grêmio comunicou o resultados dos testes de coronavírus realizados no elenco, comissão técnica e funcionários do departamento de futebol. Segundo o clube, os 64 exames do método RT-PCR tiveram resultado negativo. Assim, não há nenhum jogador infectado.

MUDANÇAS

Jair Ventura terá o retorno de Adryelson, que cumpriu suspensão na derrota para o Coritiba por 1 a 0. A tendência é que o treinador o escale ao lado de Maidana no sistema defensivo do Sport. Caso a mudança seja confirmada, Chico iniciará o embate como opção no banco de reservas.

Ventura ensaiou durante os treinos mudanças táticas. Venuto foi testado no ataque, numa formação mais ofensiva, já que Betinho foi sacado. No entanto, o volante deverá iniciar o jogo. O trio ofensivo será formado por Jonatan Gomez, Marquinhos e Elton.

"Não tem nada definido. Não tem uma equipe ainda. Falei isso para os atletas. Meus treinamentos são feitos iguais para todos os jogadores. Não tem nada decidido de equipe, de sistema. Acredito que no futebol, o sistema, a plataforma de jogo, pode ser diversa. Vou extrair o máximo daqueles jogadores que estiverem no grande momento", explicou o treinador.

Na zona de rebaixamento, com quatro pontos, o Sport buscará a reabilitação para encerrar uma série de cinco jogos sem vitória no Brasileirão, sendo três derrotas consecutivas.

Aos poucos, os jogadores parecem que começam entender os métodos do comandante. "Ele (Ventura) tem um estilo de jogo, as ideias dele. A gente está começando a comprar essas ideias. Ainda é muito cedo para ter resultados, mas você vê que a gente tem um jogo diferente do primeiro para o segundo tempo", completou Chico.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.