Lucas Uebel/Divulgação - Grêmio
Lucas Uebel/Divulgação - Grêmio

Grêmio remaneja garotos e fecha grupo do Gauchão

Matheus Biteco, mesmo em fase de adaptação ao Hoffenhein, que adquiriu seus direitos econômicos, será inscrito no Estadual

Estadão Conteúdo

27 de janeiro de 2015 | 17h53

O Grêmio definiu, nesta terça-feira, o elenco que vai ser inscrito no Campeonato Gaúcho. O técnico Luiz Felipe Scolari decidiu que cinco jogadores da base não serão aproveitados, promoveu três garotos da equipe que disputou a Copa São Paulo de Futebol Júnior e chegou aos 32 nomes que disputarão o Estadual.

Erik, Lucas Costa, Negueba, Paulista e Liverson não fazem mais parte do grupo principal. Dessa lista, só Lucas Costa não segue no clube. Ele tem contrato só até o fim do mês e não será mais aproveitado. O lateral-esquerdo Liverson volta para a base, porque ainda tem 19 anos, enquanto os demais devem ser emprestados. Por enquanto, vão treinar com os demais jogadores que não interessam a Felipão, casos do volante Edinho e do atacante Kleber.

Por outro lado, o treinador promoveu três meninos que disputaram a Copa São Paulo de Futebol Júnior: o lateral-esquerdo Júnior, o lateral-direito Raul e o volante Arthur. Os três começaram a treinar com o elenco principal nesta terça-feira.

Mesmo em fase de adaptação ao Hoffenhein, que já adquiriu seus direitos econômicos, Matheus Biteco será inscrito no Campeonato Gaúcho. Só o zagueiro Gabriel, que se recupera de cirurgia, vai ficar de fora.

CONFIRA O ELENCO DO GRÊMIO:

GOLEIROS - Marcelo Grohe, Tiago, Léo e Vitor;

ZAGUEIROS - Rhodolfo, Pedro Geromel, Gabriel Silva, Erazo e Rafael Thyere;

LATERAIS - Marcelo Oliveira, Marcelo Hermes, Raul, Júnior, Galhardo e Matias Rodríguez;

VOLANTES - Fellipe Bastos, Ramiro, Araújo, Walace, Arthur, Matheus Biteco e Balbino;

MEIAS - Douglas, Luan e Lincoln;

ATACANTES - Barcos, Marcelo Moreno, Paulinho, Everton, Everaldo, Lucas Coelho e Pedro Rocha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.