Halder Ramos/Divulgação
Halder Ramos/Divulgação

Grêmio sofre gol no fim e só empata com Novo Hamburgo em amistoso

No último dia da pré-temporada em Gramado, time fica no 2 a 2 com adversário, depois de sofrer para derrotar o sub-20 do Gramadense 

Estadão Conteúdo

21 de janeiro de 2015 | 18h29

No que depender dos primeiros testes do Grêmio em 2015, a torcida pode ficar preocupada para esta temporada. Depois de uma difícil vitória sobre o sub-20 do Gramadense, garantida só após a entrada dos reservas no segundo tempo, nesta quarta-feira a equipe não passou de um empate por 2 a 2 diante do Novo Hamburgo, no último dia de pré-temporada em Gramado.

Como no confronto do último fim de semana, a dupla de ataque formada por Barcos e Marcelo Moreno decepcionou e os jogadores mostraram que precisarão de muitos ajustes para conseguirem atuar juntos. Para piorar, o volante Ramiro se lesionou durante a atividade e preocupa.

Nesta quarta, Felipão escalou o Grêmio com: Tiago; Matias Rodríguez, Gabriel Silva, Rhodolfo e Marcelo Hermes; Ramiro, Fellipe Bastos, Douglas e Luan; Marcelo Moreno e Barcos. Uma das novidades da equipe, entrando na vaga de Lincoln, Luan foi o responsável pela inauguração do placar aos 19 minutos, após passe de Marcelo Moreno.

O Grêmio era dominante na partida, mas a partir do gol caiu de produção e permitiu o empate. Aos 37 minutos, Gabriel Silva vacilou e tocou contra o gol de Tiago após cruzamento de Paulinho. Mas ainda no primeiro tempo, o Grêmio voltou a ficar na frente. Desta vez Luan tocou para Marcelo Moreno, que marcou o segundo.

Para a etapa final, Felipão fez algumas mudanças e alterou o esquema, tirando Barcos e deixando a equipe só com um centroavante. O desempenho, então, caiu. O Novo Hamburgo passou a dominar as ações e criou as principais oportunidades, até finalmente chegar ao empate aos 43 minutos. Paulinho rolou para Warley, que bateu bonito, com estilo, da entrada da área, sem chances para Tiago.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.