Lucas Uebel/Divulgação
Lucas Uebel/Divulgação

Grêmio tenta entrar no G-4 e Sport pôr fim a série de derrotas fora

Sem Grohe e Luan, time quer dormir entre os quatro melhores e tem de vencer pernambucanos, que perderam as sete últimas visitas

Angela Lacerda e Elder Ogliari, O Estado de S. Paulo

08 de outubro de 2014 | 07h53

Se recuperar da derrota do fim de semana para o São Paulo e dormir no G-4 do Brasileirão são as metas do Grêmio diante do Sport, às 22 horas, na Arena Grêmio, em Porto Alegre. Na quinta posição, os gaúchos ultrapassam o Atlético-MG, que só joga na quinta-feira, em caso de um resultado positivo. A ordem é não tropeçar diante dos pernambucanos, que vêm de sete derrotas seguidas como visitantes.

Felipão não contará com o goleiro Marcelo Grohe e o meia Luan. Depois de ficar 803 minutos sem sofrer gols, invencibilidade que acabou no sábado, em pênalti cobrado por Rogério Ceni, o goleiro titular foi servir à seleção brasileira. O novato Tiago entra no time com a responsabilidade de ajudar a manter a performance da defesa, que tomou apenas 15 gols e é a menos vazada da competição. Luan, por sua vez, está na seleção brasileira sub-21. A vaga é disputada por Giuliano e Alán Ruiz.

Depois de sete derrotas seguidas em jogos fora de casa, a última no sábado contra o Corinthians, por 3 a 0, o Sport vai a Porto Alegre disposto a acabar com o incômodo jejum. A única mudança promovida pelo técnico Eduardo Baptista para este jogo é o retorno do volante Wendel, que cumpriu suspensão.

O Sport tem 36 pontos e está na nona posição no campeonato.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoSport

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.