Grêmio trabalha para ter Gabriel contra Botafogo

O Grêmio inicia nesta terça-feira a sua preparação para o decisivo jogo com o Botafogo, domingo, em Porto Alegre, com uma preocupação em especial. Os três laterais-direitos do elenco da equipe gaúcha estão contundidos e podem obrigar o técnico Renato Gaúcho a realizar uma improvisação na última rodada do Campeonato Brasileiro.

AE, Agência Estado

30 de novembro de 2010 | 12h46

O treinador espera que Gabriel se recupere de uma lesão muscular que impediu a sua participação nos últimos dois jogos do Grêmio no Brasileirão, já que as outras opções para o setor não possuem qualquer chance de entrar em campo. Edílson realizou uma cirurgia no joelho direito e Mário Fernandes sofreu uma lesão no tornozelo.

Caso Gabriel seja vetado, Renato tem as opções de improvisar Ferdinando ou Souza na partida contra o Botafogo, que definirá o quarto colocado do Brasileirão, que garantirá vaga na próxima edição da Libertadores se o Goiás não faturar o título da Copa Sul-Americana. O Grêmio precisa apenas de um empate para encerrar o torneio na quarta posição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.