Grêmio treina finalizações antes de pegar o Cruzeiro

Dono do segundo pior ataque do Campeonato Brasileiro, atrás apenas do Atlético-PR, o Grêmio segue preocupado em melhorar esta estatística. O treino da tarde desta sexta-feira foi mais uma vez dedicado às finalizações. E o resultado não foi dos mais animadores para os torcedores. Para o técnico Celso Roth, porém, o aproveitamento não é necessariamente o mais importante num treinamento.

AE, Agência Estado

30 de setembro de 2011 | 20h01

"Ninguém vai fazer no treino como se estivesse no jogo, até porque é antevéspera da partida. Não é só fazer gol, é o posicionamento também. Dentro deste quadro, o aproveitamento foi bom", disse Roth, em entrevista coletiva após o treinamento no Olímpico.

Contra o Cruzeiro, domingo, em Porto Alegre, o Grêmio mais uma vez terá um atacante apenas: André Lima. A equipe, como Fernando no lugar de Gilberto Silva e sem Saimon, machucado, deverá ter: Victor; Mário Fernandes, Edcarlos, Rafael Marques e Julio Cesar; Fábio Rochemback, Fernando, Marquinhos, Douglas e Escudero; André Lima.

Apesar da má fase do Cruzeiro, que ainda não venceu no returno e só triunfou duas vezes jogando fora de Minas Gerais no Brasileirão, Celso Roth pede muita cautela. "Eles têm um plantel muito qualificado e a expectativa é de um jogo muito difícil. Não tem outra maneira de tirar proveito da situação do Cruzeiro que não seja jogarmos bem", enfatizou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolGrêmioCampeonato Brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.