Grêmio vence Atlético-MG, mas não consegue título

Equipe vence por 2 a 0 e fica com o vice-campeonato nacional, três pontos atrás do campeão São Paulo

Leandro Silveira, Agencia Estado

07 de dezembro de 2008 | 19h09

O Grêmio fez sua parte na rodada final do Brasileirão, mas ficou apenas com o vice-campeonato nacional, já que o São Paulo venceu o Goiás. Neste domingo, com o Estádio Olímpico lotado, o time gaúcho bateu o Atlético Mineiro por 2 a 0. Com o resultado, terminou a competição com 72 pontos. Já o Atlético ficou na 12.ª colocação, com 48 pontos, e disputará a próxima Copa Sul-Americana. Os gremistas reconheceram a luta do time e comemoraram a vitória e aplaudiram o time, reconhecendo a campanha que recolocou o time na Copa Libertadores.Veja também:Título do São Paulo acontece com vitória sobre o Goiás Brasileirão Série A - Classificação Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão Apesar de jogar em casa e contra um adversário sem muitas aspirações, o Grêmio teve dificuldades para vencer. No primeiro tempo, a equipe parou na defesa mineira, que estava bem postada, e só foi perigoso quando a bola caiu nos pés de Souza. Organizado, o Atlético conseguiu fazer um duelo equilibrado na primeira etapa. O segundo tempo foi diferente. O Grêmio pressionou desde o início e não demorou para marcar o gol da vitória. Já a equipe mineira quase não assustou o goleiro Victor. O jogo começou muito disputado no meio-campo e o primeiro time a chegar com algum perigo foi o Atlético Mineiro. Aos dois minutos, Márcio Araújo avançou com a bola, passou por alguns adversários, mas adiantou a bola e permitiu a defesa de Victor. Depois do início equilibrado, o Grêmio cresceu e, com mais posse de bola, criou algumas oportunidades de gol. Aos sete, Souza avançou pela direita, cortou para o meio e finalizou. Édson defendeu em dois tempos. Aos 13 minutos, o polivalente gremista apareceu pela esquerda, driblou Leandro Almeida e cruzou para Jean, que furou e perdeu boa chance de gol. O Grêmio chegou com perigo aos 28 minutos. Perea foi lançado e chutou cruzado, Sheslon cortou para escanteio. A melhor chance do Grêmio aconteceu aos 33 minutos. Souza arriscou de fora da área, mas Édson fez grande defesa. Os minutos finais do primeiro tempo foram dominados pelo Atlético Mineiro, que teve um gol anulado. Aos 38 minutos, Castillo driblou Rever e chutou colocado. Victor espalmou para fora. O Grêmio pressionou o Atlético Mineiro no início do segundo tempo. Aos três minutos, Rever foi derrubado na intermediária da área. Na cobrança, Tcheco acertou a barreira. Aos seis, o capitão gremista driblou dois atleticanos e chutou forte, mas para fora. O Grêmio chegou ao gol da vitória aos 17 minutos. Felipe Mattioni, que tinha entrado durante a segunda etapa, foi derrubado na área por César Prates. Tcheco cobrou no canto direito do gol de Édson, que pulou para o canto esquerdo. Aos 35, Perea chutou forte, da entrada da área, e Édson fez grande defesa. O time gaúcho fez o segundo gol aos 37 minutos. Tcheco cobrou falta da direita e Soares desviou para a rede do Atlético Mineiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.