Grêmio vence e enfrenta Corinthians

O Grêmio está novamente em uma final da Copa do Brasil. O time gaúcho conseguiu a classificação para disputar o título com o Corinthians ao vencer o Coritiba, por 1 a 0, nesta quarta-feira à noite, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. Na primeira partida, o Grêmio havia vencido por 3 a 1. O atacante Marcelinho Paraíba foi expulso e desfalca o time gaúcho no primeiro jogo da decisão, domingo, em Porto Alegre.Com a vantagem, o Grêmio entrou em campo com uma proposta de marcação, dificultando a organização de jogadas por parte do Coritiba.No primeiro tempo, o artilheiro Marcelinho Paraíba praticamente não pegou na bola. Precisando marcar pelo menos dois gols, o time da casa procurou insistentemente o ataque.No entanto, os jogadores mostravam muito nervosismo e não conseguiam criar jogadas mais perigosas, nem mesmo em chutes de longa distância, para aproveitar o campo molhado. Ao invés disso, procuravam cruzar bolas sobre a área, fazendo com que o zagueiro Marinho aparecesse como um dos principais jogadores, além do lateral Rubens Cardoso.Aos 7 minutos do segundo tempo, o Coritiba chegou pela primeira vez com perigo, em uma cobrança de falta de Anderson, que Danrley tirou com o ombro. Impulsionado pelo grande número de torcedores, o time da casa continuou pressionando, mas esbarrou na boa colocação dos defensores gremistas.No contra-ataque, o Grêmio chegou ao gol aos 15 minutos. A bola foi cruzada por Tinga. O goleiro Júnior falhou e Zinho teve apenas o trabalho de tocar para o gol. Três minutos depois, Da Silva teve oportunidade de empatar, mas chutou para fora, quando estava livre diante do goleiro. Sem outra alternativa, o Coritiba passou a forçar ainda mais o ataque, mas errava alguns arremates fáceis, como Mabília, aos 34 minutos.

Agencia Estado,

06 de junho de 2001 | 23h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.