Grêmio vence no sintético, vai à final do Gaúcho, mas perde Victor

Goleiro se machuca na vitória por 3 a 2 sobre o Cruzeiro, de Porto Alegre, neste sábado

AE, Agência Estado

23 de abril de 2011 | 20h58

PORTO ALEGRE - No gramado sintético do Estádio Passo D'Areia, o problema do Grêmio foi a bola aérea. Ainda assim prevaleceu a melhor qualidade técnica e o time gremista venceu neste sábado à noite o Cruzeiro de Porto Alegre por 3 a 2, se classificando à final do segundo turno do Campeonato Gaúcho. O seu adversário será conhecido no domingo, quando o Inter visita o Juventude em Caxias do Sul.

O Grêmio, assim, terá duas chances de faturar o título Gaúcho. Se vier a perder a decisão do próximo final de semana, volta a enfrentar o campeão do segundo turno em dois jogos na final do estadual. Se faturar também este returno, fica com a taça antecipadamente.

Mas nem todas as notícias são boas. Ainda no primeiro tempo, o goleiro Victor dividiu uma bola com Mauro, do Cruzeiro, e levou a pior. Sentindo fortes dores, ele deixou o campo com o ombro imobilizado, dando lugar a Marcelo Grohe. O goleiro da seleção brasileira é dúvida para o jogo de terça-feira contra a Universidad Católica, pela Libertadores.

Sem Bruno Collaço e Gilson, machucados, Renato Gaúcho surpreendeu ao colocar Lúcio na lateral-esquerda, deixando Neuton e Carlos Alberto como opções. William Magrão entrou no time como terceiro volante, fortalecendo a marcação.

O Grêmio só conseguiu tirar o zero do placar aos 41 minutos do primeiro tempo. Borges lançou Leandro, o jovem atacante driblou o marcador e bateu cruzado para marcar.

Com pouco mais de um minuto na volta do intervalo, Claudinho subiu mais que a zaga do Grêmio e empatou. Seis minutos depois, o Grêmio voltou à frente. William Magrão chutou de fora da área, a bola desviou na zaga e tirou o goleiro Fábio do lance.

Novamente de cabeça, desta vez com Léo Maringá, o Cruzeiro voltou a deixar tudo igual. Mas, aos 29 minutos da segunda etapa, Fábio Rochemback cruzou e Rafael Marques, de carrinho, fez o gol da classificação do Grêmio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.