R. García/EFE
R. García/EFE

Griezmann sofre lesão na perna direita e não tem prazo para voltar ao Barcelona

Segundo o clube catalão, "a evolução da lesão condicionará sua disponibilidade" para os próximos jogos

Redação, Estadão Conteúdo

12 de julho de 2020 | 10h20

O Barcelona comunicou na manhã deste domingo que exames recentes detectaram uma lesão muscular no quadríceps da perna direita do atacante francês Antoine Griezmann. O clube catalão não estipulou um prazo para o jogador retornar aos gramados.

Segundo o Barcelona, "a evolução da lesão condicionará sua disponibilidade" para os próximos jogos. Certo é que ele desfalcará a equipe em partidas importantes da sequência da temporada.

O time catalão briga pelo título do Campeonato Espanhol com o arquirrival Real Madrid e é pouco provável que Griezmann volte a atuar antes do término da competição, já que restam apenas duas rodadas a serem disputadas e o campeonato será concluído no próximo domingo, dia 19.

A esperança do Barcelona é ter Griezmann de volta na retomada da Liga dos Campeões. A equipe espanhola tem compromisso importante contra o Napoli no dia 8 de agosto, no Camp Nou. Ou seja, o francês tem quase um mês para se recuperar até o duelo, válido pelo jogo da volta das oitavas de final - na ida, em março, empate em 1 a 1 na Itália.

Griezmann participou do primeiro tempo do duelo contra o Valladolid, neste sábado, e foi substituído no intervalo pelo uruguaio Luis Suárez. O Barcelona venceu a partida por 1 a 0, gol marcado pelo chinelo Arturo Vidal e se manteve a um ponto do líder Real Madrid, que ainda joga na rodada.

Campeão mundial com a seleção francesa em 2018 e grande protagonista do Atlético de Madrid, Griezmann ainda não conseguiu se firmar no Barcelona em sua primeira temporada. Ele ficou no banco de reservas em alguns jogos recentes, o que causou revolta no pai e irmão do jogador, e ainda não justificou o investimento de cerca de 120 milhões de euros (aproximadamente R$ 505 milhões na época) do time catalão em julho do ano passado. São 15 gols em 46 jogos disputados nesta temporada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.