Grupo do Santos se reuniu com presidente sobre salários

Grupo do Santos se reuniu com presidente sobre salários

Treinador Enderson Moreira revela conversa do mandatário com os jogadores para tratar do atraso nos vencimentos dos atletas

SANCHES FILHO, O Estado de S. Paulo

24 Setembro 2014 | 12h41

Além de tentar se aproximar do grupo dos quatro primeiros colocados do Campeonato Brasileiro, o Santos também precisa lidar com o atraso no pagamento de dois meses do direito de imagem e de um mês no salário dos jogadores. Questionado sobre a situação, o técnico Enderson Moreira revelou que o grupo de jogadores se reuniu com o presidente Odílio Rodrigues para conversar sobre os problemas financeiros do clube.

"Na verdade, como estou há pouco tempo no clube não tenho informações. O presidente teve uma conversa com os jogadores, foi claro, todos sabem das dificuldades dos clubes brasileiros, não é algo que acontece só no Santos", afirmou Enderson, que ainda não completou um mês de Santos, pois iniciou o seu trabalho no dia 3 de setembro.

O treinador preferiu não revelar muitos detalhes sobre o encontro, mas garantiu que Odílio tranquilizou os jogadores ao assegurar que logo os vencimentos serão pagos e colocados em dia pela diretoria santista.

"Não saberia te precisar que dia que foi, não lembro, foi algo informal, tranquilo, algo muito claro e objetivo. Todos ficaram tranquilos com as informações. O presidente tem uma forma de conduzir muito clara e precisa, isso traz tranquilidade", disse.

Enderson também assegurou que o problema não tem afetado o rendimento dos jogadores santistas. "Os jogadores estão concentrados, focados, não percebemos nada de diferente, é a mesma dedicação, entusiasmo, sabemos que o presidente e toda a diretoria tem feito de tudo para que os compromissos sejam honrados. Temos segurança e tranquilidade que isso vai se resolver com o passar dos dias", comentou.

Em nono lugar no Campeonato Brasileiro, o Santos viaja ainda nesta quarta-feira para Belo Horizonte, onde vai enfrentar o Atlético-MG no dia seguinte, pela 24ª rodada, em confronto direto por uma vaga na próxima Libertadores.

Mais conteúdo sobre:
futebol Brasileirão Santos FC

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.