Guarani bate Figueirense e dá mais um passo ao acesso

Equipe paulista ganha em Campinas por 3 a 2 e segue na segunda posição da Série B do Campeonato Brasileiro

Agencia Estado

15 de setembro de 2009 | 22h00

O Guarani deu mais um passo na luta pelo acesso no Campeonato Brasileiro da Série B ao vencer o Figueirense por 3 a 2, nesta terça-feira, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas, pela 24.ª rodada. Esta foi a quarta vitória consecutiva em casa do clube paulista, que segue com folgas dentro da zona de acesso, com 46 pontos. Já o time catarinense estacionou nos 36, ainda distante do grupo dos quatro primeiros colocados.

Veja também:

Brasileirão Série B - tabela Classificação | lista Tabela

especialSÉRIE B - Leia mais sobre a competição

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

O Guarani conseguiu abrir o placar logo aos dois minutos de jogo. O atacante Fabinho cobrou escanteio da esquerda e o atacante Schwenck desviou contra o próprio gol. A abertura de placar empolgou o time da casa, que pressionou muito nos minutos seguintes.

Quem balançou as redes, porém, foi o Figueirense, em seu primeiro ataque, aos 24 minutos. O lateral-direito Lucas invadiu a área em velocidade e bateu na saída do goleiro Douglas.

Depois de levar alguns sustos no final do primeiro tempo, o time campineiro voltou melhor na segunda etapa. Aos nove minutos, aproveitando outra jogada de bola parada, marcou o segundo. Após bola levantada, o goleiro Wilson defendeu cabeçada à queima-roupa do zagueiro Márcio Alemão e o volante Luciano Santos completou no rebote. Aos 16, Ricardo Xavier fez o terceiro, de pênalti.

No final, aos 43 minutos, Roger Carvalho ainda diminuiu para os visitantes. Após o escanteio, ele apareceu na pequena área só para completar.

No próximo sábado, às 16h10, o Guarani tem a dura missão de enfrentar o Vasco, no Maracanã, no Rio de Janeiro. Já o Figueirense encara outro páreo duro contra o Atlético Goianiense, na sexta, às 21 horas, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

GUARANI 3 X 2 FIGUEIRENSE

Guarani - Douglas; Maranhão, Bruno Aguiar, Márcio Alemão e Eduardo; Cléber Goiano, Luciano Santos, Léo Mineiro (Nunes) e Walter Minhoca; Fabinho (Dairo) e Ricardo Xavier (Nei Paraíba). Técnico: Osvaldo Alvarez (Vadão)

Figueirense - Wilson; Toninho, Roger Carvalho e Edson; Lucas (Alê), Carlinhos, Diego Paulista (Jean Coral), Paulinho, Fernandes e Egídio; Schwenck (Marcelo). Técnico: Márcio Araújo

Gols - Schwenck (contra), aos 2, e Lucas, aos 24 minutos do primeiro tempo; Luciano Santos, aos 9, Ricardo Xavier (pênalti), aos 16, e Roger Carvalho, aos 43 minutos do segundo tempo

Cartões amarelos - Fabinho e Dairo (Guarani); Roger Carvalho, Lucas, Jean Coral e Egídio (Figueirense)

Árbitro - Marcelo de Lima Henrique (Fifa-RJ)

Renda - R$ 69.879,00

Público - 5.912 pagantes

Local - Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.