Guarani/Facebook
Guarani/Facebook

Guarani bate XV de Piracicaba e conquista acesso à elite paulista após cinco anos

Bugre confirma presença na Série A1 do Estadual com vitória por 1 a 0, em Campinas

Estadão Conteúdo

04 de abril de 2018 | 22h42

O Guarani conquistou o acesso à Série A1 do Campeonato Paulista ao vencer o XV de Piracicaba pelo placar de 1 a 0, em partida realizada nesta quarta-feira, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP), para um público de mais de 15 mil torcedores.

+ Apesar de veto de autoridades, Corinthians e Palmeiras mantêm treino aberto

+ Palmeiras vende todos os ingressos para a decisão do Paulista

Como segurou o empate sem gols em Piracicaba (SP), o Guarani precisou apenas vencer pela contagem mínima para assegurar o seu retorno à elite, após cinco anos disputando a Série A2. O único gol do duelo foi marcado por Ricardinho.

O Guarani também enfim se vingou da derrota diante do XV de Piracicaba na final da Série A2 de 2011, quando o time alvinegro conquistou o título nos pênaltis. Além de conquistar o acesso, o clube campineiro fará a final em casa diante do Oeste, neste sábado, por ter melhor campanha: 35 a 33 pontos.

O Oeste, na última terça-feira, derrotou o São Bernardo por 3 a 2, em pleno estádio Primeiro de Maio, em São Bernardo do Campo (SP). Em Barueri (SP), no jogo de ida, os comandados do técnico Roberto Cavalo já haviam vencido por 2 a 1.

Em Campinas, os dois times fizeram um primeiro tempo equilibrado. O clube visitante foi melhor na etapa inicial e desperdiçou a melhor chance com Fabinho, ex-jogador do próprio Guarani, que recebeu de frente para o gol, mas chutou para fora.

No segundo tempo, o Guarani cresceu, marcou logo no primeiro minuto com Ricardinho e se fechou para confirmar o retorno à elite do futebol paulista. O XV de Piracicaba até tentou esboçar uma reação, mas não conseguiu evitar a derrota.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.