Guarani busca empate com o Ituano fora de casa em 2 a 2

O time campineiro manteve um tabu de sete anos sem perder para o rival

AE, Agência Estado

24 de fevereiro de 2013 | 20h33

ITU - Na sua luta por posições no Campeonato Paulista, o Guarani somou um ponto importante fora de casa ao empatar com o Ituano, por 2 a 2, neste domingo à noite, no Estádio Novelli Junior, em Itu, pela nona rodada. O time campineiro manteve um tabu de sete anos sem perder para o rival e agora soma oito pontos, em 15.º lugar. O Ituano, com 10 pontos, é o 13.º colocado.

O Guarani surpreendeu por sua formação tática. A expectativa era para que usasse o esquema 3-5-2, mas o técnico Branco optou pelo tradicional 4-4-2. Além disso, individualizou a marcação em cima do meia Fernando Gabriel, neutralizando as principais jogadas do adversário.

Aos 23 minutos, o Guarani saiu na frente. Rodrigo Mendes sofreu falta quase na linha lateral da grande área, pelo lado esquerdo. Ele mesmo bateu, levantando na pequena área, onde o zagueiro Thiago Mathias apareceu para desviar de cabeça. A bola entrou embaixo e no canto.

Bem marcado, o Ituano não ameaçou até o final do primeiro tempo. Mas voltou diferente na segunda etapa, mais adiantando, e não dando espaços para a saída de bola do Guarani. Antes de chegar ao empate, aos 22 minutos, o Ituano criou três grandes chances para marcar seu gol.

De tanto buscar, o Ituano chegou, merecidamente, ao empate. Depois do cruzamento da esquerda, Fernando Gabriel ajeitou de cabeça e Marcão bateu de primeira, de pé direito, sem deixar a bola cair.

O time da casa continuou dominado o jogo e conseguiu a virada aos 29 minutos. O lateral Patrick fez o levantamento com curva, bem alto, e do outro lado apareceu o zagueiro Vitor Hugo para testar firme no chão.

Mas não houve tempo de comemorar, porque o Guarani empatou em seguida, aos 30 minutos. Após escanteio, a defesa não aliviou e Ademir Sopa levantou para a pequena área, onde o zagueiro Tiago Pagnussat cabeceou para baixo. Tudo igual.

Depois disso, o Guarani se fechou e o Ituano, cansado, não conseguiu o gol da vitória. E faltou pouco, porque aos 40 minutos, após o rebote da defesa, Paulinho chutou de longe e a bola bateu no pé da trave, voltou nas costas de Juliano e depois foi aliviada pela defesa.

Pela décima rodada, no próximo domingo, o Ituano vai sair diante do São Bernardo, enquanto o Guarani vai receber o Mogi Mirim, em Campinas.

ITUANO 2 X 2 GUARANI

ITUANO - Anderson; Leandro Silva, Anderson Sales, Vitor Hugo e Patrick; Michel (Paulinho), Cambará, Kleiton Domingues e Fernando Gabriel (Marinho); Tiago Bezerra (Marcão) e Adailton. Técnico - Roberto Fonseca.

GUARANI - Juliano; Oziel, Leandro Souza, Thiago Mathias (Tiago Pagnussat) e Diogo; Oziel, Ademir Sopa, Mika, Felipe Merlo (Coutinho) e Thiago Gentil (Fumagalli); Ronaldo Mendes e Cominges. Técnico - Branco.

GOLS - Thiago Mathias, aos 23 minutos do primeiro tempo; Marcão, aos 22, Vitor Hugo, aos 29, e Tiago Pagnussat, aos 30 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Marcelo Prieto Alfieri.

CARTÕES AMARELOS - Thiago Mathias e Felipe Merlo (Guarani). Patrick (Ituano).

RENDA - R$ 46.917,00.

PÚBLICO - 1.965 pagantes.

LOCAL - Estádio Novelli Júnior, em Itu (SP)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.